Bolsas de estudo: coronavírus e as seleções para estudar fora




Como ficam os processos de bolsas de estudo com o coronavírus? A pandemia de COVID-19 vai afetar quem estava se preparando para estudar fora em 2020 e 2021? A resposta é sim, no entanto, o importante é saber que os efeitos podem ser variados dependendo do tipo de programa ou bolsa de estudos que você está concorrendo.

Todas as bolsas

Antes de mais nada, é super importante lembrar que, por mais chato isso tudo seja para quem se esforçou um monte para conseguir estudar no exterior, nada é mais importante do que a saúde e seguir as orientações da Organização Mundial de Saúde, especialmente se seu governo local for incompetente e só se importe em salvar a ~economia~.

>>> Sites para aprender inglês de graça durante a quarentena

Bolsas de estudo e o Coronavírus: inscrições prorrogadas

Muitos programas de bolsas de estudo no Exterior optaram por prorrogar seus prazos por conta da pandemia do novo coronavírus.  A lista de programas para estudar no exterior com deadlines prorrogados aumenta todos os dias. No entanto alguns programas que a gente sabe que foram prorrogados, são:

A lista cresce todos os dias. Por isso, caso vocês saibam de algo que não está aqui, por favor, me mandem um oi no instagram ou aqui nos comentários do post que eu atualizo.

Ganhei uma bolsa em 2020 ela vai ser afetada pelo coronavírus?

Provavelmente todo mundo que ganhou bolsa de estudos seja para 2020 ou 2021 vai ter o cronograma afetado de alguma forma pelo coronavírus. Isso, no entanto, não é motivo para pânico ou choro, calma! A gente ainda não sabe como o calendário das universidades no exterior vai mudar por conta de todo esse tempo de isolamento social. Aqui no Brasil mesmo muitas universidades estão com aulas online e outras suspenderam o calendário do primeiro semestre de 2020 até segunda ordem.

Bolsistas Chevening, por exemplo, já relataram que as universidades do Reino Unido, por exemplo, estão todas com aulas online até o final do semestre. Ainda não se sabe exatamente como será no início das aulas em setembro de 2020. É um pouco chato pra quem queria a experiência completa de ir estudar e conhecer o Reino Unido, mas a vida de todos é mais importante, né?

>>>Inglês fluente sem intercâmbio é possível?

Muitos resultados do programa Erasmus Mundus, por exemplo, tinham previsão de saída em breve e devem atrasar (como é o caso do Gemma, por exemplo) . Muitas das minhas mentoradas aplicaram para programas Erasmus em 2019 e receberam as respostas da aprovação com  bolsa de estudo completa nas útimas semanas. Quem me acompanha no Instagram provavelmente viu que mesmo na semana passada (do dia 25 de março) postei stories das minhas mentoradas que receberam a notícia da bolsa em meio a essa situação toda.

Nenhuma delas no entanto, foi informada sobre como ou quando será o começo das aulas. Nesses casos, o importante é se manter em contato com o curso (sem enviar 800 emails por dia, por favor, né) para entender como a pandemia do coronavírus vai afetar o cronograma da sua bolsa de estudos. Afinal, as embaixadas e consulados estão todos com atendimentos de visto suspensos para priozar cidadãos que necessitam de atendimento urgente.

>>> Como ser fluente em inglês sem intercâmbio?

Como o coronavírus afeta quem ainda não ganhou bolsa de estudos?

Nnguém tem certeza de nada sobre a pandemia. Se todos soubéssemos que apenas duas semanas de isolamento são necessárias, seria mais fácil prever. Infelzimente, não é essa a realidade. Dois dias parecem dois meses nesse estado atual de alerta e as informações são muito voláteis. A única coisa que a gente sabe ao certo é que todo mundo tem que lavar as mãos mil vezes por dia, não encostar no rosto e ficar em casa o máximo possível. Fora isso, fica difícil saber como cada país vai agir no futuro. Eu (opinião minha, tá? E ela pode estar errada) acredito que infelizmente alguns programas de bolsas de estudo que abririam agora no primeiro semestre de 2020 sejam cancelados ou suspensos.

>>> Como fazer pós-graduação no Exterior

Com quase o mundo todo adotando a política de isolamento social e grandes eventos supensos, provavelmente os programas com seleção prevista para o primeiro semestre de 2020 e com início no segundo semestre são os com maior risco de cancelamento ou suspensão. Isso, de forma alguma siginfica que isso VAI acontecer, mas a POSSIBILIDADE existe. O programa Chevening, por exemplo, remarcou todas as entrevistas presenciais deste ano para entrevistas online. Até o momento o cronograma oficial não sofreu alterações.

>>> Cursos online de alemão grátis

Editais de bolsas de estudo cancelados pelo coronavírus

Alguns programas tiveram seus editais de bolsa de estudos cancelados/suspensos para 2020. Não de deseperem: o edital ter sido cancelado/suspendo em 2020 não sigifica que a bolsa nunca mais vai abrir.  O programa de mestrado em comunicação do DAAD do EPOS na Deutsche Welle,  informou que o edital de 2020 foi suspenso mas que o de 2021 está confirmado.  O programa Summer Experience do British Council foi cancelado e agora está ofereceu 5 mil bolsas para curso de inglês online. Outros editais cancelados foram os programas de curso de verão na Itália da Turin School e também a bolsa para artistas na Espanha.

Outros cortes ou adiamentos ainda não foram confirmados.  No entanto, neste momento delicado que os governos precisam investir mais dentro de casa não me espantaria ver alguns cortes em investimentos em estudantes internacionais.  Outra razão plausível para adiamentos de bolsas de 2020 para 2021 é simplesmente o fato que ninguém sabe ao certo como a situação vai se desenvolver. Ninguém pode confirmar que as aulas vão mesmo iniciar em setembro de 2020 ou se os programas vão ter que ter o primeiro semestre online. Nada disso foi confirmado ainda, então, nada de desespero precoce. Mas é bom ir se preparando com o plano B, C e D.

Provas de proficiência e o Coronavírus

Outro detalhe importante para quem estava planejando candidaturas para este ano são as provas de proficiência. Obrigatórias para a maioria das seleções de universidades e de bolsas de estudos, as provas como TOEFL e IELTS também foram afetadas pelo coronavírus. O British Council cancelou todas as provas do IELTS até 9 de abril e informa no site que todas as provas podem ser remarcadas por e-mail. Já a ETS, responsável pelo TOEFL, GRE e outras provas, está informado candidatos de mudanças diariamente nesta página. O Brasil, no entanto, não está na lista de países da América Latina em que os testes foram cancelados ou adiados completamente. Então, é importante entrar em contato com o lugar onde seu teste aconteceria para saber o que será feito. Caso sua cidade ainda esteja aplicando testes e você não se sinta seguro, você pode entrar em contato com a ETS para remarcar seu teste sem custo. As remarcações sem custo podem ser feitas APENAS via live chat ou pelo email [email protected]. A ETS também lançou o TOEFL iBT at Home Edition para que não seja necessário sair de casa para fazer a prova. A partir de 2 de abril de 2020, essa modalidade ficou disponível para o Brasil.

De qualquer forma, é importante lembrar que isso não vai durar pra sempre. O intercâmbio intelectual e acadêmico são fundamentais para que a gente esteja mais preparado para lidar com e resolver situações como essa globalmente.  Então, fiquem ligados aqui no Partiu Intercâmbio, saiam de casa o mínimo possível, pensem nos outros e tudo vai dar certo.

 

Bolsas de estudo abertas

Toda terça-feira tem vídeo novo no nosso canal no YouTubeAssina aí pra não perder nadinha. A gente também está no Instagram, no Flipboard e no Twitter. Nesses canais, eu falo mais sobre como ganhar bolsa para fazer intercâmbio, como fazer carta de motivação e mais um monte de coisas. Obviamente, eu também respondo dúvidas. Só deixar elas aqui nos comentários do post. Já quem quer receber e-mail alertando de novas bolsas pode se inscrever na nossa newsletter. Pra saber mais sobre a Bruna e o Partiu Intercâmbio é só acessar esse post. Os apoiadores do Partiu Intercâmbio recebem alertas de bolsas de estudos segmentados e dicas exclusivas no Whatsapp e também por e-mail. A gente também presta consultoria para quem quer estudar no Exterior e você pode pedir um orçamento sem compromisso.

COMENTÁRIOS

Uma resposta para “Bolsas de estudo: coronavírus e as seleções para estudar fora”

  1. Oi Bruna, vc já tem alguma informação sobre o German Chancellor Fellowship? Ainda não recebi nenhuma resposta sobre a próxima fase e queria muito saber se alguém já recebeu um retorno, seja positivo ou negativo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

livros amazon paratiu intercambio