Universidade de Oxford: como estudar na universidade britânica




Universidade de Oxford

Quando se pensa em estudar no exterior, muita gente tem vontade de ir para o Reino Unido. Dentro desse grupo, uma fatia importante tem o sonho de estudar na Universidade de Oxford.

Não por acaso: a instituição de ensino superior inglesa está no topo da lista do Times Higher Education World University (THE) pelo sexto ano consecutivo. Ou seja, desde 2017, a universidade é considerada a número 1 do mundo nesse importante ranking global.

É verdade que existem muitas outras universidades excelentes no Reino Unido e temos que sempre olhar com uma certa crítica para os rankings, além de não utilizá-los como único critério para escolher onde estudar. A Bruna já falou sobre isso em um vídeo sobre como escolher faculdade no exterior.

No entanto, também não podemos negar que a Universidade de Oxford desperta o interesse de muita gente e, por isso, preparamos um artigo completo com todas as informações que você precisa saber, caso tenha interesse ou intenção de tentar uma vaga na instituição!

O que é a Universidade de Oxford?

A Universidade de Oxford é uma instituição independente e autônoma que possui mais de 25 mil alunos, incluindo 12.510 na graduação e 13.044 em cursos de pós-graduação.

A universidade é considerada a com maior volume de pesquisas do Reino Unido. Além disso, ela contribui com cerca de 15,7 bilhões de libras para a economia do UK, empregando mais de 28 mil pessoas.

Quanto ao aspecto administrativo, a instituição é formada por 36 “colleges”, três “societies” e seis “halls”. A universidade, assim como cada um de seus componentes, possui um papel específico.

Os colleges, societies e halls são responsáveis por selecionar e admitir alunos de graduação e selecionar estudantes de pós-graduação após a admissão pela universidade. Além disso, também são esses órgãos que cuidam da parte de acomodação, refeição, bibliotecas e dos equipamentos sociais e esportivos.

Por outro lado, a universidade é quem determina o conteúdo dos cursos universitários, organiza palestras e seminários, fornece recursos para ensino e aprendizagem – bibliotecas, laboratórios, museus, instalações etc. Ela também admite e orienta alunos de pós-graduação, avalia dissertações e teses, define e marca exames e concede os graus.

Guia do mestrado no Reino Unido

Quais os cursos oferecidos pela Universidade de Oxford?

A Universidade de Oxford oferece inúmeros cursos em todas as áreas do conhecimento. Entre os cursos de graduação, estão:

  • Arqueologia e antropologia;
  • Bioquímica;
  • Biologia;
  • Ciências Biomédicas;
  • Química;
  • Arqueologia Clássica e História Antiga;
  • Clássicos;
  • Inglês;
  • Línguas Modernas;
  • Estudos Orientais;
  • Ciência da Computação;
  • Ciência da Computação e Filosofia;
  • Geologia;
  • Economia e Administração;
  • Engenharia;
  • Língua e literatura inglesa;
  • Línguas europeias e do Oriente Médio;
  • Artes;
  • Geografia;
  • História;
  • História da Arte;
  • Ciências Humanas;
  • Direito;
  • Ciência dos Materiais;
  • Matemática;
  • Medicina;
  • Linguística;
  • Música;
  • Filosofia;
  • Física;
  • Psicologia;
  • Teologia e Religião.

Já a oferta de pós-graduação é dividida pelos departamentos que oferecem os cursos em 5 grandes áreas:

  • Humanas;
  • Matemática, Física e Ciências da Vida;
  • Ciências Médicas;
  • Ciências Sociais;
  • Departamento de Educação Continuada.

Como entrar na Universidade de Oxford?

Como era de se esperar, ingressar na Universidade de Oxford não é nada simples, pois ela é super concorrida. Para os cursos de graduação, em 2021, foram mais de 24 mil candidatos para cerca de 3.300 vagas. Já nos cursos de pós-graduação, foram mais de 34.500 applications para 6.675 vagas.

Contudo, a boa notícia é que a instituição tem um perfil bem internacional. De acordo com informações do site da Universidade de Oxford, do total de alunos, cerca de 11.500 são estudantes internacionais – o que representa quase 45%. Esses alunos vêm de mais de 160 países e territórios diferentes.

Como veremos a seguir, as candidaturas para os cursos da universidade devem ser feitas online. É essencial saber que todos os estudantes que não tenham o inglês como língua materna precisam cumprir os requisitos de conhecimento do idioma estabelecidos pela Universidade de Oxford tanto para graduação quanto para pós-graduação.

Em resumo, isso significa ter uma das provas de proficiência aceitas com as notas mínimas exigidas pela instituição. Só para citar algumas, a universidade aceita TOEFL, IELTS, Cambridge Certificate of Advanced English e outras.

> Como ser fluente em inglês sem fazer intercâmbio


Como fazer faculdade na Universidade de Oxford?

O processo de admissão para fazer graduação na Universidade de Oxford é o mesmo para todos os candidatos e não existe uma cota específica, ou seja, um número restrito de vagas para estudantes internacionais – com exceção do curso de Medicina.

Todos os candidatos devem aplicar por meio do portal UCAS Application e devem:

  • Pesquisar e escolher o seu curso de interesse;
  • Verificar se as suas qualificações internacionais são aceitas e se tem condições de alcançar as notas exigidas;
  • Decidir se deseja declarar preferência por um college ou fazer uma inscrição aberta.

Para a candidatura, é preciso ficar atento aos requisitos de cada curso. A maioria exige uma amostra textual para demonstrar habilidades analíticas, de raciocínio, de linguagem e de escrita.

Os candidatos com maior potencial para estudar na instituição serão selecionados para uma entrevista. Para mais detalhes sobre a candidatura para fazer faculdade na instituição, você pode acessar este link.

O deadline para se candidatar aos cursos de graduação da universidade costuma ser em meados de outubro. No ano de 2022, o prazo é 15 de outubro.

A Universidade de Oxford aceita ENEM?


Não. De acordo com informações do site, o ENEM não é aceito, assim como ter feito vestibular no Brasil não é suficiente para poder ingressar na faculdade em Oxford.

Aliás, muitos cursos exigem um teste de admissão que precisa de inscrição e deve ser feito em um determinado período do ano.


Como fazer pós-graduação na Universidade de Oxford?

As inscrições para quem deseja fazer um curso de pós-graduação na Universidade de Oxford também devem ser submetidas através de um formulário de candidatura online. Assim como no caso da graduação, a instituição também disponibiliza um guia com todos os detalhes sobre a admissão de estudantes de pós.

Basicamente, é preciso escolher o curso e verificar os respectivos requisitos de ingresso, reunir a documentação (que inclui, por exemplo, documentos da universidade, como o histórico acadêmico e referências) e aplicar dentro do prazo estabelecido.

As datas variam conforme o curso e é possível se inscrever em diferentes rodadas de candidatura. No entanto, é recomendado que os estudantes internacionais se candidatem antes do deadline da primeira rodada, ou seja, o mais cedo possível.

Chevening: bolsas para fazer mestrado no Reino Unido com tudo pago


Quais famosos estudaram na Universidade de Oxford?

  • Tony Abbott, ex-primeiro ministro da Austrália;
  • Riz Ahmed, ator;
  • Monica Ali, autora;
  • Tariq Ali, escritor;
  • W H Auden, poeta;
  • Sir John Eccles, cientista e vencedor do Nobel de Fisiologia;
  • Lord Florey, patologista ganhador do Prêmio Nobel;
  • William Fulbright, político e fundador das Fulbright Scholarships;
  • Hugh Grant, ator;
  • Graham Greene, autor;
  • Stuart Hall, sociólogo;
  • Stephen Hawking, físico;
  • Dorothy Hodgkin, cientista ganhadora do Nobel de química;
  • Adam Smith, economista político.

A lista é bem longa e você pode encontrar outros nomes no próprio site da universidade.

>>> “Mulher, negra, criada numa comunidade no RJ” e Chevener

Quanto custa estudar na Universidade de Oxford?

Estudar na Universidade de Oxford, infelizmente, não é nada barato, pelo contrário. Os “overseas”, estudantes que não são considerados locais, pagam uma taxa que varia entre £ 27.840 e £ 39.010 nos cursos de graduação.

Os cursos de pós-graduação também têm taxas que se aproximam desses valores. Para ilustrar, o mestrado em Ciência da Computação custa £ 30.330 para estudantes estrangeiros. O doutorado em Antropologia custa £ 26.940. Mais detalhes sobre as taxas da pós você encontra neste link.

>> Mentoria do Partiu Intercâmbio para estudar no Exterior


Existem bolsas para estudar na Universidade de Oxford?


É claro que sim! Existem diferentes programas de bolsas de estudos que dão a oportunidade de estudar na Universidade de Oxford com tudo ou pelo menos uma parte dos custos pagos.

Segundo a instituição, ela é uma das mais generosas do Reino Unido. Ela oferece, por exemplo, mais de £ 8,5 milhões em apoio financeiro para estudantes de graduação de baixa renda.

Aqui mesmo no buscador do Partiu Intercâmbio, você encontra diferentes bolsas para estudar na instituição. Vamos conhecer os principais programas?


Reach Oxford Scholarships for Developing Country Students


O programa dá bolsas para graduação em Oxford e contempla todos os cursos, com exceção de Medicina. Ele é voltado para estudantes de baixa renda provenientes de países em desenvolvimento que, por razões políticas ou financeiras, não conseguem obter um diploma no seu país.

Sendo assim, a necessidade financeira e o compromisso social estão entre os principais critérios de seleção do edital. Para se candidatar, é preciso ter o aceite do curso de interesse e ter a intenção de retornar ao país de origem após os estudos.

As bolsas para graduação em Oxford têm a duração do curso — três ou quatro anos. Elas incluem as taxas de matrícula, auxílio para subsistência e passagens anuais de ida e volta ao país de origem.

As inscrições para o edital costumam ter deadline no início do ano – o último foi 9 de fevereiro.


Clarendon: bolsa para pós-graduação

O programa Clarendon distribui anualmente mais de 100 bolsas para estudar em Oxford para candidatos de todo o mundo. Os bolsistas devem ter excelência e potencial acadêmico e atender aos critérios de elegibilidade do curso de mestrado ou doutorado escolhido. Todos os cursos desses níveis são contemplados.

A bolsa para pós-graduação na Universidade de Oxford é integral e cobre todas as taxas de matrícula e custos de vida do selecionado. O valor anual do benefício costuma ser de pelo menos 15 mil libras para cursos de dedicação integral.

Ao aplicar para um mestrado ou doutorado na instituição britânica, o candidato é automaticamente considerado para o processo seletivo das bolsas Clarendon. No entanto, é preciso ficar atento ao período de inscrições. Para concorrer à bolsa de pós-graduação na Universidade de Oxford, é obrigatório se candidatar antes dos prazos de inscrição dos cursos, que variam.


Weidenfeld-Hoffmann: bolsas de mestrado

O Oxford-Weidenfeld-Hoffmann Scholarships and Leadership Programme oferece bolsas de mestrado na Universidade de Oxford para estudantes originários de países em desenvolvimento da América do Sul, África e Ásia. O programa contempla uma extensa lista de cursos em diferentes áreas.

As bolsas são integrais, incluindo 100% do valor das taxas universitárias da Oxford e um auxílio para o custo de vida do estudante. O valor deste auxílio é de cerca de £15 mil. O projeto financia os estudos e combina o mestrado escolhido com um programa abrangente de desenvolvimento de liderança, mentoria de longa duração e networking.

O edital também exige que o candidato se comprometa a voltar ao país de origem assim que terminar o curso. Além disso, é fundamental demonstrar uma conexão entre o seu objeto de estudo e os seus objetivos profissionais a longo prazo.

Para concorrer a uma das bolsas de mestrado na Universidade de Oxford, é preciso selecionar o programa Weidenfeld-Hoffmann na seção Bolsas de Estudo da Universidade de Oxford no formulário de inscrição do mestrado e enviar a candidatura no prazo do curso.

Global Rhodes: bolsas para pós-graduação em Oxford

O Global Rhodes é o programa de bolsas de estudos mais antigo do mundo. A categoria “global” é voltada para candidatos de todo o mundo que desejam fazer mestrado ou doutorado em Oxford.

As bolsas cobrem taxas universitárias, auxílio para despesas, passagens aéreas, taxa de candidatura, despesas do visto e taxa do seguro saúde da NHS. Podem se candidatar jovens entre 18 e 26 anos com bom currículo e perfil de liderança.

Somente estudantes que foram indicados por suas universidades podem fazer a inscrição para as bolsas do programa. Cada universidade pode indicar até três candidatos e existe um prazo para as indicações e um prazo posterior para o candidato se inscrever, que na última edição foi 1º de agosto.

Diploma Scholarship for Women

O programa Diploma Scholarship for Women é voltado para mulheres e oferece bolsas para mestrado em negócios na Saïd School of Business, a escola de negócios da Universidade de Oxford.

O edital contempla cursos que têm duração de um ano, como Global Business, Financial Strategy, Organisational Leadership, Strategy and Innovation e Artificial Intelligence for Business.

As bolsas são parciais e cobrem 10 mil libras da tuition dos cursos. A Saïd School of Business é super prestigiada e os cursos são bem caros, portanto, um desconto já pode ajudar bastante.

A application para a bolsa deve ser feita juntamente com a inscrição para o curso. Neste ano de 2022, o prazo é 26 de setembro.


Skoll Scholarship: bolsa para MBA em Oxford

Outro programa da Saïd Business School é o Skoll Scholarship. Mas, desta vez, as bolsas são destinadas a estudantes com experiência na área de impacto social. Nesse sentido, é preciso ter pelo menos três anos de atuação em iniciativas com propósito social, seja com um empreendimento próprio ou dentro de uma organização.

A bolsa de MBA em Oxford cobre os custos de matrícula no curso (que custa mais de 50 mil libras) e concede um auxílio para manutenção no país.

A candidatura ao MBA é feita em rodadas e o último prazo possível para a candidatura na bolsa de estudos para o próximo ano é 4 de janeiro de 2023.


Immerse Education: concurso de redação dá bolsas para Summer School em Oxford

Conseguir uma bolsa para ter uma experiência na Universidade de Oxford antes mesmo de terminar o colégio é possível por meio do Immerse Education Essay Competition. O concurso de redação premia estudantes de 13 a 18 anos, que estejam no ensino médio e tenham qualquer nacionalidade.

O concurso escolherá 10 vencedores em mais de 20 diferentes tópicos de redação nas categorias de 13 a 15 anos e de 16 a 18 anos. Os cursos da Summer School são em diferentes áreas.

Os vencedores ganham uma bolsa de estudos integral, ao passo que os segundo colocados recebem bolsas parciais de 50%. Além disso, também estão incluídos alojamento, café da manhã e jantar, tutoria, materiais, mentores, excursões, seguro saúde.

Toda semana tem vídeo novo no nosso canal no YouTube. Assina aí pra não perder nadinha. A gente também está no InstagramGoogle NewsTikTok e no LinkedIn. Nesses canais, eu falo mais sobre como ganhar bolsa para fazer intercâmbio, como fazer carta de motivação e mais um monte de coisas. Já quem quer receber alerta de novas bolsas de estudo pode se inscrever no nosso canal no no Telegram ou na nossa newsletter é grátis. Os apoiadores do Partiu Intercâmbio recebem dicas exclusivas no Whatsapp e também por e-mail. A gente também presta consultoria para orientar quem quer estudar no Exterior entre em contato e realize o sonho de estudar fora!

COMENTÁRIOS

Leave a Reply

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

livros amazon paratiu intercambio