bolsas de mestrado em direitos humanos

Bolsas de mestrado em Direitos Humanos do Erasmus Mundus

Quer fazer mestrado em direitos humanos na Europa de graça? O Erasmus Mundus Human Rights Policy and Practice (Políticas e Práticas de Direitos Humanos) é um programa de mestrado organizado por um consórcio de quatro universidades que está recebendo candidaturas para o próximo ano acadêmico.

O Programa de Mestrado Erasmus Mundus em Política e Prática de Direitos Humanos oferece cursos e oportunidades de estudo na Suécia, Espanha, Inglaterra e Noruega. O mestrado em direitos humanos na Europa combina perspectivas legais, sociológicas, políticas, antropológicas e práticas para preparar os alunos para o trabalho em direitos humanos em organizações da sociedade civil, governos, setor público e empresas. Para se candidatar, você precisa ter pelo menos dois anos de experiência prática na área de direitos humanos. O mais bacana? A Comissão Europeia oferece bolsas de estudo integrais para o programa para os estudantes não europeus mais qualificados que se inscreverem no curso. As candidaturas devem ser apresentadas até o dia 1 de dezembro.

>>> Melhores intercambios gratuitos de 2023

O mestrado em Direitos Humanos do Erasmus Mundus

O mestrado em direitos humanos tem duração de dois anos e é um programa em tempo integral que envolve instituições de diferentes países:

  • Universidade de Gothenburg (Suécia) – 1º semestre;
  • Universidade de Deusto (Espanha) – 2º semestre;
  • Universidade de Roehampton (Reino Unido) – 3º semestre;
  • Universidade de Tromsø (Noruega) – uma das opções para o 4º semestre.

As aulas preparam o estudante para uma carreira internacional focada na proteção dos Direitos Humanos. O 4º semestre é dedicado à dissertação, que deve ser supervisionada por professores de uma das quatro universidades, o que definirá para onde o aluno irá nessa reta final.

>>> Bolsa integral em direitos humanos na Austrália

Erasmus Mundus Human Rights Policy and Practice

O programa tem ênfase no desenvolvimento profissional e na prática de políticas de engajamento nas questões dos Direitos Humanos. Ele destina-se a estudantes que desejam contribuir significativamente para a agenda internacional através de organizações da sociedade civil, governos e setores público e privados. O conteúdo programático inclui abordagens legais, políticas, sociológicas e antropológicas para a promoção dos Direitos Humanos.

>> Como é estudar direitos humanos no Exterior

As bolsas de mestrado em Direitos Humanos

As bolsas Erasmus Mundus de mestrado em Direitos Humanos incluem a taxa de matrícula – 18 mil euros para estudantes internacionais –,  subsídio mensal para despesas de subsistência de 1,4 mil euros durante os 24 meses e seguro saúde.

>>> Mestrado na Europa com bolsa: melhores oportunidades

Como se candidatar para as bolsas de mestrado em Direitos Humanos

O processo de inscrição e os requisitos de entrada são gerenciados pela Universidade de Gotemburgo. A admissão é realizada pelo Comitê de Admissão Conjunta do EMHRPP, com base em critérios pré-determinados, divididos em três partes:

  • competência acadêmica (até 40 pontos),
  • carta de motivação (até 20 pontos) e
  • experiência de trabalho e cartas de recomendação (até 40 pontos).

A soma dessas partes pode chegar a um máximo de 100 pontos, e os candidatos são classificados com base na pontuação final, do mais alto ao mais baixo. São consideradas medidas de igualdade de oportunidades para promover a participação de estudantes de grupos desfavorecidos.

>>> Como trabalhar na Alemanha legalmente

Para ser elegível para o programa, você deve ter um primeiro diploma equivalente a 180 créditos ou 180 ECTS de uma universidade ou faculdade reconhecida internacionalmente, além de pelo menos dois anos de experiência prática na área de direitos humanos, o que pode incluir emprego regular, estágio ou trabalho voluntário.

Além disso, é preciso comprovar proficiência em inglês com resultado de teste reconhecido, como TOEFL ou IELTS.

Por fim, entre os requisitos avaliados, também estão a capacidade de se comunicar claramente, a natureza e a relevância da experiência anterior e o modo como a cooperação e a compreensão internacional serão promovidos após a conclusão do mestrado na Europa.

Durante a inscrição no curso, o candidato deve enviar também o formulário de application da bolsa de mestrado em Direitos Humanos do programa Erasmus.

Documentação para o mestrado em Direitos Humanos na Europa

Na candidatura online online, o candidato deverá anexar os seguintes documentos:

O período de inscrições vai de 15 de outubro a 1 de dezembro. O deadline para o envio da documentação é estendido até 15 de dezembro. O resultado com o nome dos selecionados será publicado no final de março.

>>>Erasmus Mundus: brasileiros tiram dúvidas sobre o programa

Nessa live, você pode ver nossa conversa com brasileiras bolsistas Erasmus Mundus e ver dicas sobre os cursos, as inscrição e outros detalhes.

Precisa de ajuda para candidatar?

O Partiu Intercâmbio tem um programa de mentoria para estudar fora que já ajudou milhares de brasileiros a ganharem bolsas de estudos para estudar no Exterior. Confira no vídeo abaixo o que alguns dos nossos mentorados têm a dizer sobre o auxílio oferecido pela mentoria do Partiu Intercâmbio:

Aqui você pode conferir o que nossos mentorados falam sobre nosso programa de auxílio. A mentoria abre inscrições todos anos em janeiro e em julho e você pode se inscrever para receber avisos de quando as inscrições abrem e alertas de bolsas de estudos no Whatsapp.

Tá com dúvida se o acompanhamento completo da mentoria faz sentido pra você? Marque um horário individual pra tirar dúvidas e encontrar as melhores oportunidade pro seu perfil.

Economize em moeda estrangeira do Brasil

Recomendamos juntar dinheiro em moeda estrangeira e pagar a taxa da sua prova de proficiência usando a conta multimoedas do Wise (ex-Transferwise). A conta é gratuita e com ela você faz pagamentos da taxa de inscrição em processos de seleção em universidades ou junta dinheiro em moeda estrangeira com taxas muito menores. No lugar de pagar os 12% que seu banco cobraria, com o Wise você paga só 1,3% de taxa sobre a operação ou menos

Saiba mais sobre o mestrado
Confira as informações sobre a bolsa
Como se candidatar

Toda semana tem vídeo novo no nosso canal no YouTubeAssina aí pra não perder nadinha. A gente também está no Instagram, Google News, TikTok, Twitter e no LinkedIn. Nesses canais, eu falo mais sobre como ganhar bolsa para fazer intercâmbio, como fazer carta de motivação e mais um monte de coisas. Já quem quer receber alerta de novas bolsas de estudo pode se inscrever no nosso canal no no Telegram ou na nossa newsletter é grátis. Os apoiadores do Partiu Intercâmbio recebem dicas exclusivas no Whatsapp e também por e-mail. Pra saber mais sobre a Bruna e o Partiu Intercâmbio é só acessar esse post. A gente também presta consultoria para orientar quem quer estudar no Exterior entre em contato e realize o sonho de estudar fora!

Sobre o autor

Bruna Passos Amaral

Bruna Passos Amaral é jornalista, viajante, entusiasta da educação. e apaixonada por idiomas. Na bagagem da criadora e mentora do Partiu Intercâmbio, já pesam dez intercâmbios - três nos Estados Unidos, seis na Alemanha e um na Finlândia.

Bolsas relacionadas

3 comentários em “Bolsas de mestrado em Direitos Humanos do Erasmus Mundus”

  1. Boa tarde, vocês sabem se existe alguma possibilidade de abrir esse mestrado ou algum outro em direitos humanos na europa, para começar em 2019?
    Desde já agradeço a atenção.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Quem faz?

Bruna Passos Amaral é jornalista, viajante, entusiasta da educação e apaixonada por idiomas. Na bagagem, são nove intercâmbios – dois nos Estados Unidos, seis na Alemanha e um na Finlândia – e passeios por diversos países. Participe, mande relatos, perguntas ou sugestões. Os comentários no site são sempre respondidos!

Assine nossa newsletter

Cadastre-se e saiba das bolsas de estudos antes.

Redes Sociais