Banco Mundial dá bolsas para mestrado no Japão e em outros países




bolsas para mestrado no Japão JJWBGSP banco mundial

O Joint Japan/World Bank Graduate Scholarship Program (JJWBGSP) é um programa do Banco Mundial que oferece bolsas para mestrado no Japão e em outros países a jovens provenientes de algumas nações em desenvolvimento.  Apesar do contexto atual de pandemia de COVID-19, foi recém anunciada a abertura da convocatória para a edição de 2020 do programa. Infelizmente, neste ano o Brasil não está nas lista dos países contemplados. No entanto, candidatos de Cabo Verde, Angola, Moçambique, Guinea-Bissau e São Tomé e Príncipe ainda podem se candidatar.

Bolsas no Japão

 

O programa tem o objetivo de criar novas abordagens para o compartilhamento de conhecimento no mundo em desenvolvimento. Desde 1982, o JJWBGSP já ajudou a formar mais de 6 mil profissionais para impactar positivamente a realidade dos seus países.

>>> Rotary oferece bolsa para fazer mestrado no Exterior em estudos da paz

Sobre o programa JJWBGSP

As bolsas para mestrado no Japão e em outros países são voltadas para candidatos interessados em cursos de pós-graduação em áreas relacionadas ao desenvolvimento. Neste ano, a lista de cursos contemplados pelo programa e de universidades parceiras mudou. Agora são 30 programas preferenciais e 10 instituições de ensino parceiras nos EUA, Europa e Japão. Entre as possíveis áreas de estudo estão: política econômica; política tributária; recursos hídricos, gestão de infraestrutura; saúde e outras.

>>> Brasileira estudando no Japão fala da experiência

Como parte das contrapartidas, depois de obter o diploma, os bolsistas devem se comprometer a retornar aos seus países de origem e utilizar seus conhecimentos para contribuir para o seu desenvolvimento social e econômico.

O benefício inclui as taxas universitárias, um auxílio mensal para os custos de vida, passagens de ida e volta, seguro saúde e subsídio para viagem (500 dólares para cada viagem). As bolsas para mestrado no Japão e em outros países têm duração de dois anos.

>>> Só quem tem 10 em tudo ganha bolsa para estudar fora?

Requisitos para participar

Para ser um dos bolsistas do programa, é preciso ser aceito em um dos cursos da lista que inclui universidades renomadas como Columbia, John Hopkins, Massachusetts Institute of Technology (MIT), IHE Delft Institute e outras nos Estados Unidos, Japão, Holanda e em outros países. Além disso, são levados em consideração a experiência profissional e o histórico de apoio aos esforços de desenvolvimento de seus países.

Os outros critérios de seleção são:

  • Ser proveniente de um país em desenvolvimento presente nesta lista;
  • Não possuir cidadania de um país desenvolvido;
  • Estar em boas condições de saúde;
  • Ter diploma de graduação;
  • Possuir no mínimo três anos de experiência de trabalho recente em área relacionada ao desenvolvimento após a graduação;
  • Estar trabalhando na área em um cargo remunerado em tempo integral no momento de submissão da solicitação da bolsa (exceção para os países em conflito);
  • Ser admitido em um dos cursos da lista preferencial do programa;
  • Não ser diretor executivo ou ter qualquer tipo de nomeação ou parente próximo no Banco Mundial.

Os candidatos brasileiros não poderão se candidatar este ano para o programa, pois o Brasil foi excluído da lista de países contemplados. Contudo, candidatos de Cabo Verde, Angola, Moçambique, Guinea-Bissau e São Tomé e Príncipe ainda são aceitos.

>>> Veja outras bolsas para fazer mestrado no exterior

Como se candidatar às bolsas para mestrado no Japão

O processo de candidatura também está um pouco diferente neste ano. Ele não é o mesmo para quem deseja concorrer a um programa preferencial e para quem quer estudar em uma universidade parceira.

Para se candidatar para um dos cursos da lista preferencial, é preciso aplicar até o dia 23 de abril. Os interessados devem estar cientes dos requisitos do curso, seguir as instruções disponíveis no guia e se inscrever neste link, enviando a seguinte documentação:

  • Duas cartas de recomendação;
  • Formulário de candidatura preenchido;
  • Comprovante de experiência profissional;
  • Diploma de graduação;
  • Currículo.

Os documentos que não estiverem em inglês precisam estar acompanhados de tradução.

>>> Como fazer o TOEFL em casa?

Por outro lado, quem irá se candidatar para um programa de uma universidade parceira deve solicitar diretamente a admissão no curso de interesse. O prazo para inscrição, nesse caso, segue o calendário de cada instituição. O departamento responsável por cada um dos cursos irá selecionar alguns candidatos elegíveis para o programa.

O comitê de seleção irá avaliar a qualidade da experiência profissional, as recomendações, o comprometimento com o país de origem e a formação.

Saiba tudo sobre as bolsas
Acesse o guia de candidatura
Veja a lista de cursos contemplados
Confira a lista de universidades parceiras

Todas as bolsas abertas

Toda terça-feira tem vídeo novo no nosso canal no YouTube. Assina aí pra não perder nadinha. A gente também está no Instagram, no Flipboard e no Twitter. Nesses canais, eu falo mais sobre como ganhar bolsa para fazer intercâmbio, como fazer carta de motivação e mais um monte de coisas. Obviamente, eu também respondo dúvidas. Só deixar elas aqui nos comentários do post. Já quem quer receber e-mail alertando de novas bolsas pode se inscrever na nossa newsletter. Pra saber mais sobre a Bruna e o Partiu Intercâmbio é só acessar esse post. Os apoiadores do Partiu Intercâmbio recebem alertas de bolsas de estudos segmentados e dicas exclusivas no Whatsapp e também por e-mail. A gente também presta consultoria para quem quer estudar no Exterior e você pode pedir um orçamento sem compromisso.

COMENTÁRIOS

Uma resposta para “Banco Mundial dá bolsas para mestrado no Japão e em outros países”

  1. Fernanda Gonçalves disse:

    Complicado esses 3 anos. Triste que não vou conseguir participar 🙁

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

livros amazon paratiu intercambio