Bolsas para mestrado em Jornalismo no Exterior do Erasmus Mundus

bolsas de mestrado em jornalismo no exterior erasmus mundus partiu intercambio

Foto: Mundus Journalism, Divulgação

As bolsas de mestrado em Jornalismo no Exterior do Erasmus Mundus abrem em novembro para candidaturas de interessados de todas as partes do mundo. O mestrado em Jornalismo, Mídia e Globalização recebe inscrições online apenas até 10 de janeiro. O curso tem seu primeiro ano na Dinamarca e depois o aluno escolhe se quer estudar na Holanda, Inglaterra ou Alemanha e é aberto a candidatos de todo o mundo. Bolsas de estudos completas estão disponíveis para não residentes da Europa. O curso é completamente em inglês.

Bolsas em Jornalismo

Mais oportunidades para jornalistas no Exterior

Durante o Mundus Journalism, os estudantes vão estudar em, pelo menos, dois países europeus. O ano básico é todo na Universidade de Aarhus, na Dinamarca. No segundo ano, os alunos escolhem uma das quatro especialidades:  Communicating Europe,  na Universidade de Amsterdam, na Holanda;  Multimedia Business Reporting, na City University London, na Inglaterra; Journalism and Media Across Cultures, na Universidade de Hamburgo, na Alemanha ou  War and Conflict, na Universidade de Swansea, no País de Gales. Para poder concorrer a uma das  bolsas completas (que incluem o curso, seguro saúde e uma quantia mensal em dinheiro para cobrir despesas de alimentação), é necessário que o candidato não tenha morado na Europa por mais de 12 meses nos últimos cinco anos.

>>Veja todas as bolsas de mestrado do Erasmus na Europa

Requisitos do mestrado em Jornalismo no Exterior

  • Ser formado em um curso em uma área relevante para o mestrado
  •  Ter histórico escolar acima da média
  •  Ter uma carta de recomendação acadêmicas
  • Ter experiência de, pelo menos três meses, em jornalismo
  • Enviar exemplos de trabalhos jornalístico
  • Enviar carta de recomendação que comprovem a experiência profissional
  • Enviar carta de motivação e currículo
  • Ter proficiência em inglês: mínimo de 7 no IELTS

>>> Veja o depoimento de uma bolsista do programa sobre como é estudar na Dinamarca

Além das bolsas completas, o programa oferece outros tipos de bolsas para candidatos com cidadania europeia e bolsas específicas para cada uma das universidades onde se pode cursar o segundo ano do mestrado. Então, se você é jornalista e quer fazer mestrado, não dá para perder. Inscreva-se e saiba mais sobre o programa  Mundus Journalism de mestrado em jornalismo no Exterior.

Inscreva-se a partir de novembro
Saiba mais sobre o programa
Tire dúvidas sobre os requisitos
Veja todos os tipos de bolsas oferecidas pelo programa
Veja o depoimento de uma bolsista sobre o programa

Todas as bolsas abertas

Ah, toda terça-feira tem vídeo novo no nosso canal no YouTubeAssina aí pra não perder nadinha. A gente também está no Instagram, no Flipboard e no Twitter. Nesses canais, eu falo mais sobre como ganhar bolsa para fazer intercâmbio, como fazer carta de motivação e mais um monte de coisas. Obviamente, eu também respondo dúvidas. Só deixar elas aqui nos comentários do post. Já quem quer receber e-mail alertando de novas bolsas pode se inscrever na nossa newsletter. Quem tiver dúvidas, pode entrar no grupo do Partiu Intercâmbio no Facebook e postar por lá que a gente responde. Já pra saber mais sobre a Bruna e o Partiu Intercâmbio é só acessar esse post.

Precisa de ajuda na candidatura?

Se você quer fazer pós-graduação no Exterior mas tá completamente perdido e precisa de ajuda, dá pra falar com o Partiu Intercâmbio. Sim, a gente presta consultoria ajudando quem quer fazer pós-graduação no Exterior com cartas de motivação e de recomendação, ajuda para preencher application, escolha das universidades, ajuda na busca por possíveis bolsas e tudo mais. Se você tiver interesse, é só colocar seus dados nesta planilha que a gente faz um orçamento sem compromisso.

COMENTÁRIOS

4 respostas para “Bolsas para mestrado em jornalismo na Dinamarca do Erasmus”

  1. Gabriela disse:

    Existe idade máxima para concorrer à bolsa?

  2. Carol Araújo disse:

    é disso que eu preciso, meu Deus!
    Obrigada, Bruninha!

  3. Bruna, tu sabe se é só Ielts? Não pode ser TOEFL?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *