Bolsas de mestrado em cinema na Europa em três países diferentes

Início » Bolsas de Estudo » Bolsas de mestrado em cinema em Budapest, Dublin e Tallin do Erasmus+

Bolsas de mestrado em cinema

O programa Erasmus Plus está recebendo candidaturas para bolsas de mestrado em cinema na Europa em três universidades de diferentes países. O Viewfinder é um curso organizado pela University of Theatre and Film Arts, de Budapeste (Hungria), pelo Institute of Art, Design and Technology, de Dublin (Irlanda) e pela Baltic Film, Media, Arts and Communication School of Tallinn University, de Tallinn (Estônia).

 

O mestrado é em inglês e tem duração de 2 anos. Em cada semestre os alunos estudarão em uma das cidades das instituições parceiras – os três primeiros em Dublin, Budapest e Tallinn, respectivamente. No quarto semestre, os estudantes serão dividos entre estas cidades.

O Viewfinder prepara os alunos para atuarem como diretores de fotografia e como operadores de câmera em diversos âmbitos, da televisão à música e ao cinema. O foco do curso é estudar narrativa audiovisual usando métodos inovadores, através da colaboração criativa com diretores de cinema profissionais e o estudo do drama na pintura europeia e das teorias da recepção psicológica.

O curso é voltado para candidatos que já tenham experiência prévia em fotografia cinematográfica, como cinegrafista, operador de câmera, assistente, fotógrafo, etc.

>>> Veja mais bolsas de mestrado Erasmus Mundus
>> Erasmus + dá bolsa para mestrado em cinema em Portugal e outros dois países da Europa
>>> Programa do governo dá bolsas de mestrado e doutorado na França

As bolsas de mestrado em cinema na Europa do Erasmus+

Como nos outros casos de bolsas do programa Erasmus, os candidatos brasileiros entram na modalidade Partner Countries (países parceiros). Ela contempla estudantes de países não pertencentes à União Europeia que não tenham residido, estudado ou trabalhado na Europa por mais de 12 meses nos últimos cinco anos.

O programa oferece um auxílio para as taxas universitárias de 9 mil euros por ano e um auxílio para gastos de viagem de 3 mil euros por ano para bolsistas de países distantes. Além disso, o bolsista ainda conta com auxílio único para instalação de mil euros, além de ajuda de custo mensal de mil euros para subsistência durante a inteira duração programa (máximo 24 meses).

Como se candidatar para bolsas de mestrado em cinema na Europa

A candidatura para as bolsas de mestrado em cinema na Europa deve feita juntamente com a application online para o curso até o dia 04 de janeiro. O estudante deve completar o formulário e enviar os seguintes documentos e materiais:

  • Diploma de graduação em cinema, fotografia ou outra área (se o candidato tiver experiência em cinema): o documento deve ser traduzido por um tradutor juramentado e legalizado no consulado de um dos países das universidades parceiras no Brasil;
  • Certificado de proficiência em inglês (mínimo solicitado: IELTS certificate, 6.0 ou equivalente; e.g. TOEFL iBT 79 ou CBT 213 ou PBT 550; First Certificate in English (FCE) grade A; ou evidências de que teve parte dos estudos formais em inglês);
  • Um ou mais filmes feitos pelo candidato como diretor de fotografia: a produção deve ter no máximo 10 minutos e pode ser de qualquer tipo;
  • Cópia do passaporte e uma foto digital;
  • CV, carta de motivação e expectativas – cada um com no máximo 1.000 caracteres (espaços incluídos).

Como parte da seleção, os candidatos serão entrevistados via skype entre os dias 27 e 29 de março. Os nomes dos selecionados serão divulgados até o dia 30 de abril.

Saiba mais sobre as bolsas do programa
Conheça a estrutura do curso
Acesse o formulário de inscrição
Veja as respostas para as dúvidas frequentes

Ah, toda terça-feira tem vídeo novo no nosso canal no YouTubeAssina aí pra não perder nadinha. Lá eu falo mais sobre como ganhar bolsa para fazer intercâmbio, como fazer carta de motivação e mais um monte de coisas. Obviamente, eu também respondo dúvidas. Só deixar elas aqui nos comentários do post

>>> Como validar diploma do Exterior no Brasil
>> Carta de motivação: quais os erros mais comuns e como evitar
>>> Universidade dá bolsas integrais de mestrado na Itália

COMENTÁRIOS