Bolsa para curso profissionalizante no Japão em inglês ou japonês

Início » Bolsas de Estudo » Bolsa para curso profissionalizante no Japão em inglês ou japonês

Mais um concurso que oferece bolsa para estudar no Japão  mesmo para quem não tem conhecimentos de japonês – está com inscrições abertas. O Ministério da Educação, Cultura, Esportes, Ciência e Tecnologia do Japão (MEXT) agora oferece bolsa para curso profissionalizante no Japão com duração de três anos. Dois anos são do curso específico e um ano é de curso preparatório e aprendizado de língua japonesa.

 

A bolsa tem o valor de cerca de R$ 3,7 mil mensais, passagens de ida e volta e isenção de taxas escolares. Para poder concorrer é necessário ter de 17 a 21 anos  e já ter concluído o ensino médio  ou ter a conclusão prevista para dezembro deste ano. Além disso, ter fluência em inglês ou japonês e um bom histórico escolar são indispensáveis.

>>> Bolsa para fazer faculdade no Japão mesmo para quem não fala japonês
>>> Encontre bolsas para estudar no Japão

Os cursos são nas áreas de Tecnologia, Nutrição, Educação e Assistência Social, Negócios, Moda e Economia Doméstica, Cultura e Educação Geral e outras áreas. A inscrição precisa ser feita pessoalmente ou por carta (para candidatos que moram em cidades sem consulado ou embaixada) até 30 de junho. Veja qual jurisdição se aplica à cidade onde você mora no site da Embaixada do Japão. Os selecionados viajam em abril do ano seguinte.

Os documentos necessários para inscrição são:

Ficha de Inscrição com uma foto 3×4
– Para os que concluíram o Ensino Médio: Histórico escolar e certificado de conclusão do ensino médio (cópia autenticada em cartório).
– Para os que estão no 3° ano: testado de matrícula (original) e cópias simples dos boletins do 1º , 2º ano e do 1º bimestre do 3º ano do ensino médio.
– Para os que concluíram o ensino médio e estão cursando o ensino superior: Histórico escolar e certificado de conclusão do ensino médio (cópia autenticada em cartório); histórico acadêmico e declaração de aluno regular do ensino superior (original da instituição ou cópia autenticada em cartório).
– Carta de recomendação da última escola frequentada (ensino médio, faculdade ou cursinho), em papel timbrado da instituição
– Redação (em inglês, de 30 a 40 linhas, fonte Arial 12, tamanho A4, digitado) explicando: o motivo de opção pelo curso profissionalizante no Japão, o curso pretendido naquele país, as razões dessa escolha e a atividade profissional que pretende desenvolver no futuro. Além disso, a redação deve ter título e o nome do candidato.

A lista geral com todos os cursos oferecidos, pode ser consultada no site da Embaixada.

Exames escritos serão aplicados na representação diplomática responsável pela sua região e todo o processo de inscrição deve ser realizado na sua representação.

 

Informações sobre prazos para o curso profissionalizante no Japão você encontra em:

DF, Goiás ou Tocantins: Embaixada do Japão em Brasília
Amapá, Maranhão, Pará e Piauí: Consulado do Japão em Belém
Acre, Amazonas, Rondônia e Roraima: Consulado-Geral do Japão em Manaus
Alagoas, Bahia, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe: Escritório Consular do Japão em Recife também pelo email: cjr@bs.mofa.go.jp
Espírito Santo, Minas Gerais (exceto o Triângulo Mineiro) e Rio de Janeiro: Consulado-Geral do Japão no Rio de Janeiro
Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, São Paulo e Triângulo Mineiro: Consulado-Geral do Japão em São Paulo
Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul: Consulado-Geral do Japão em Curitiba

Veja edital da seleção para bolsa para curso profissionalizante no Japão

 

> Bolsa para fazer faculdade no Japão mesmo para quem não fala japonês
>>> Encontre bolsas para estudar no Japão

>>> Veja todas as bolsas abertas para estudar no exterior

COMENTÁRIOS

  • Higor Nascimento

    Alguem que vai aplicar no consulado localizado em Recife?

  • Licya Alves

    Oi, Bruna! Moro no interior do Ceará, o fato de você citar o email significa que toda minha documentação poderá ser enviada apenas por email?

    • Cada representação diplomática tem seu jeito de selecionar. Entre em contato com eles pelo email para saber qual a melhor maneira de submeter sua candidatura!

  • wictor joao

    Bruna, tudo bem? O site é ótimo, parabéns.
    O que significa essa parte do texto ” Exames escritos serão aplicados na representação diplomática responsável pela sua região e todo o processo de inscrição deve ser realizado na sua representação: Quer dizer que eu tenho que fazer toda burocracia na embaixada de onde eu moro, né??

    • Exato. Você tam que fazer tudo na representação do Japão da sua região, como está especificado no texto. Beijo e boa sorte 🙂