Programa do governo dá bolsas para fazer mestrado na Argentina

bolsas para mestrado na argentina

O Programa de Bolsas Internacionais do Ministério da Educação, Cultura, Ciência e Tecnologia anunciou recentemente a abertura do edital para bolsas de mestrado na Argentina. O prazo para se candidatar se encerra no dia 5 de setembro.

Bolsas na Argentina

As bolsas são voltadas para jovens latino-americanos e caribenhos. Com o programa, o governo argentino tem o objetivo de estimular o intercâmbio de conhecimentos. Ele também visa formar especialistas latino-americanos em um contexto de crescente regionalização.

Não é possível escolher qualquer mestrado. Os interessados devem encontrar um curso entre a oferta acadêmica do programa e entrar em contato com a universidade em questão. Os cursos são nas mais variadas áreas: economia; direito; relações internacionais; história; política; etc.

>>> Governo oferece bolsa para pós-graduação na Argentina

Como são as bolsas para mestrado na Argentina

O Ministério da Educação oferece 30 bolsas anuais para mestrado na Argentina. O número inclui renovações. Até 25% das bolsas novas podem ser concedidas a cidadãos de um mesmo país.

A duração do programa é de 9 meses (março a novembro de 2020) renováveis pelo mesmo período em 2021. As renovações são restritas aos bolsistas que cumprirem os requisitos acadêmicos em tempo e forma. Além disso, é preciso também apresentar um cronograma de trabalho que inclua a finalização do curso no final do segundo ano de bolsa.

O valor da bolsa é de 27.500 pesos argentinos (cerca de R$ 2.430)  mensais durante 9 meses. O programa também inclui cobertura médica assistencial e pagamento da matrícula de até 25 mil pesos argentinos por ano. Se o valor da matrícula superar a cifra, o bolsista deverá se responsabilizar ou consultar a universidade sobre a possibilidade de isenção.

>>> Como fazer pós-graduação no Exterior

Requisitos para participar do programa

Para poder se candidatar às bolsas para mestrado na Argentina, é preciso ter graduação e ser proveniente da América Latina ou do Caribe. Argentinos não podem participar. Além disso, também são requisitos:

  • Não estar residindo na Argentina no momento da candidatura;
  • Não ter iniciado pós-graduação na Argentina;
  • Possuir um excelente histórico acadêmico na graduação;
  • Ter boa experiência profissional;
  • Não ter completado 35 anos antes de 5 de setembro de 2019 (data de encerramento do edital);
  • Cumprir com todos os requisitos estabelecidos para sua admissão na universidade escolhida;
  • Cumprir todos os requisitos migratórios para entrar e permanecer na Argentina.

>>> Veja todas as bolsas para fazer mestrado no exterior

Como se candidatar às bolsas do governo argentino

Depois de escolher o mestrado na Argentina que deseja cursar, o candidato deve obter uma carta de admissão específica para tentar uma bolsa do programa. No documento deve constar a data de início do curso, sua duração e o custo anual para o ano acadêmico de 2020.

É possível escolher apenas um curso para concorrer à bolsa, no caso de ser admitido em mais de uma universidade. Por regra geral, não se aceitam mudanças de mestrado nem de datas de início e conclusão.

A candidatura deve ser feita pela internet até o dia 5 de setembro. A documentação que deve ser apresentada para concorrer é composta por:

  • Formulário de solicitação da bolsa para mestrado na Argentina;
  • Cópia do passaporte;
  • Comprovante de residência (emitido por autoridade local);
  • Carta de aceite da universidade;
  • Duas cartas de recomendação (com assinaturas originais e dirigidas ao Comité de selección de Becas de Integración Regional – Convocatoria 2020);
  • Cópia autenticada do diploma de graduação;
  • Cópia autenticada do histórico acadêmico.
  • Edital assinado pelo candidato.

Se for o caso, o candidato também deve enviar outros documentos relacionados a publicações, participações em congressos e etc. A autenticação dos documentos pode ser realizada pela própria instituição que emite a documentação. Isso deve ser feito através de um selo e de uma assinatura original na cópia.

Os documentos deve ser escaneados preferencialmente coloridos e enviados em um único arquivo PDF denominado: SOBRENOME_BIR_ALC 2020.pdf. Eles podem ser enviados por email para as.dncibecas@gmail.com com o assunto: SOBRENOME, Postulación BIR_ALC 2020.

A seleção será baseada em vários critérios. Entre eles: representatividade dos países; probabilidade de reinserção no país de origem; excelência acadêmica; desempenho profissional; participação social; motivações e justificativa; referências.

Acesse o edital
Veja os cursos contemplados pelo programa
Inscreva-se agora

Ver todas as bolsas

Ah, toda terça-feira tem vídeo novo no nosso canal no YouTubeAssina aí pra não perder nadinha. A gente também está no Instagram, no Flipboard e no Twitter. Nesses canais, eu falo mais sobre como ganhar bolsa para fazer intercâmbio, como fazer carta de motivação e mais um monte de coisas. Obviamente, eu também respondo dúvidas. Só deixar elas aqui nos comentários do post.

Precisa de ajuda na candidatura?

Se você quer fazer pós-graduação no Exterior mas tá completamente perdido e precisa de ajuda, dá pra falar com o Partiu Intercâmbio. Sim, a gente presta consultoria ajudando quem quer fazer pós-graduação no Exterior com cartas de motivação e de recomendação, ajuda para preencher application, escolha das universidades, ajuda na busca por possíveis bolsas e tudo mais. Se você tiver interesse, é só colocar seus dados nesta planilha que a gente faz um orçamento sem compromisso.

COMENTÁRIOS

Uma resposta para “Programa do governo dá bolsas para fazer mestrado na Argentina”

  1. Pedro Godoy disse:

    Olá boa noite! irei obter o diploma e o bacharel em Biomedicina no fim do ano, gostaria de saber se a instituição aceitaria um certificado de conclusão, mesmo que ainda meu diploma não seja emitido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.