Bolsa da OEA para graduação nos EUA - Partiu Intercâmbio

bolsa parcial para graduação nos Estados Unidos oea south carolina

Divulgação/USCA

A Organização dos Estados Americanos e a Universidade da Carolina do Sul Aiken (USCA) estão recebendo candidaturas para bolsa da OEA parcial para graduação nos Estados Unidos. O programa cobre uma parte do faculdade, mas já é uma grande ajuda para quem quer estudar no país.

O benefício é válido para uma série de cursos em diferentes áreas de estudo. Entre elas biologia, administração, comunicação, educação física, psicologia, sociologia, ciência política, matemática, inglês, marketing, criminologia e outras.

Bolsas para estudar nos EUA

Como é a bolsa para fazer faculdade na USCA

A bolsa parcial para graduação nos Estados Unidos inclui 250 dólares por semestre, o custo das taxas “in-state” (uma taxa obrigatória para universitários) e um subsídio de 4 mil dólares para ajudar a custear o valor do curso. Para se ter uma ideia, os selecionados que ficarem entre os primeiros colocados irão pagar cerca de 10 mil dólares por ano. Isso é bem pouco considerando o que preço que se paga para fazer faculdade nos EUA.

Além disso, os candidatos também podem solicitar auxílio do Fundo Rowe. Trata-se de um programa de financiamento educativo da OEA. Ele ajuda cidadãos da América Latina e do Caribe a estudarem nos Estados Unidos. Os empréstimos podem chegar a 15 mil dólares sem juros.

>>> Como conseguir uma bolsa para estudar nos Estados Unidos

Requisitos para o programa de bolsa da OEA

Além de ser proveniente de um país membro da OEA, para se candidatar à bolsa para graduação nos Estados Unidos é preciso ter um bom histórico acadêmico e saber inglês. Os critérios de seleção também levam em consideração a experiência profissional dos candidatos.

Distribuição geográfica e de gênero e possibilidade de impacto ao retornar para o seu país de origem também influenciam na decisão. Os bolsistas da OEA devem, aliás, se comprometer a voltar aos seus países para trabalhar após a conclusão do curso. Para manter a bolsa durante os estudos, é necessário apresentar um bom desempenho acadêmico.

>>> Bolsas para graduação nos EUA na Western Kentucky University

 

Como se candidatar à bolsa da OEA para faculdade nos EUA

As inscrições da bolsa da OEA para graduação nos Estados Unidos vão até 30 de junho para o semestre que começa no outono deste ano. Para o semestre que começa na primavera de 2020, é possível se inscrever até 15 de outubro. A candidatura para a universidade deve ser feita separadamente e é importante ficar ligado, pois elas encerram um pouco antes.

>>> Mitos sobre fazer universidade nos EUA

Os interessados precisam enviar a carta de aceite da universidade para  scholarships@oas.org para terem acesso ao formulário de candidatura. Os documentos para a inscrição online são:

  • Cópia do passaporte;
  • Carta de aceite ;
  • Cópia certificada do diploma de Ensino Médio;
  • Duas cartas de recomendação (de preferência, uma acadêmica e outra profissional);
  • Dois ensaios (em inglês, com no mínimo 800 e máximo 2.900 caracteres com espaço) sobre os seguintes pontos:
    1 – Descreva como os estudos irão impactar diretamente as suas habilidades profissionais e o seu futuro na carreira;
    2 – Explique como você pretende aplicar o conhecimento adquirido no seu campo de estudo para estimular o desenvolvimento do seu país ou região;
  • CV;
  • Certificado de proficiência em inglês adquirido há no máximo dois anos (TOEFL ou IELTS);
  • Comprovação de renda para pagamento de custos não cobertos pela bolsa (estimativa entre 22 e 29 mil dólares). Damos dicas de como economizar neste pagamento abaixo.

>>> Tem como estudar medicina nos EUA

Os documentos que não forem em inglês precisam de tradução juramentada. Toda a documentação deve ser carregada em um único PDF de no máximo 5 MB.

Os nomes dos selecionados serão divulgados em julho e em novembro no site www.oas.org/scholarships. Em caso de dúvidas sobre as bolsas, é possível entrar em contato pelo e-mail para scholarships@oas.org. Perguntas sobre o curso ou a universidade devem ser enviadas para Liz Dille no email LizD@usca.edu.

Acesse o edital do programa e a lista de cursos
Veja mais informações sobre a candidatura
Saiba tudo sobre as inscrições para a universidade

Todas as bolsas de estudos 

Ah, toda terça-feira tem vídeo novo no nosso canal no YouTubeAssina aí pra não perder nadinha. A gente também está no Instagram, no Flipboard e no Twitter. Nesses canais, eu falo mais sobre como ganhar bolsa para fazer intercâmbio, como fazer carta de motivação e mais um monte de coisas. Obviamente, eu também respondo dúvidas. Só deixar elas aqui nos comentários do post.

Como economizar no pagamento das taxas?

A dica do Partiu Intercâmbio para pagar taxas de universidades no Exterior é usar a Remessa Online, que é parceira do Partiu Intercâmbio e garante 15% de desconto no spread de transações em moeda estrangeira para os leitores! Só usar o código partiuintercambio no site para garantir o benefício! O site e o atendimento todo são feitos em português e o Remessa é das poucas plataformas quem autorizam transferências para pessoas jurídicas e estabelecimentos comerciais. Assim, você pode pagar a tuition para estudar nos EUA fazendo uma boa economia. No lugar de pagar os 12% que seu banco cobra, com os nossos parceiros você paga só 1,3% de taxa sobre a operação e ainda tem o desconto de 15% sobre a taxa ao usar o código partiuintercambio no site.

COMENTÁRIOS

Uma resposta para “Bolsa parcial para graduação nos Estados Unidos da OEA”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.