Início » Bolsas de Estudo » AFS oferece bolsa para fazer Ensino Médio na Itália

bolsa para fazer ensino medio na italia

Hoje é um bom dia para quem procura bolsa para fazer Ensino Médio no Exterior. A AFS anunciou está com inscrições abertas para dois programa de bolsas. São 5 bolsas para fazer Ensino Médio na Itália e 15 bolsas para estudar na América Latina. As bolsas cobrem todos os principais custos. Os 5 selecionados vão passar um semestre nestes países aprendendo italiano, morando em casa de família e conhecendo a cultura local com bolsa completa. As inscrições vão até 7 de setembro. Interessou? veja como participar

>>>Tem dúvidas sobre como é o intercâmbio no Ensino Médio? Veja nossa série Tudo Sobre High School

O programa terá duração de um semestre acadêmico e o embarque será  em 2017.  Os selecionados para as bolsas têm passagem aérea internacional (ida e volta), seguro saúde, hospedagem em família, colocação em escola, livros escolares, passagem casa x escola x casa e atividades de orientação cobertas pela AFS.

Requisitos para concorrer a uma bolsa para fazer ensino médio na Itália:

  • Estar no primeiro ou segundo ano do ensino médio em 2016
  • Ter entre 15 e 17 anos em fevereiro de 2017
  • Ser aluno de escolar pública ou ser bolsista em escolar particular
  • Ter médias acima de 8 no boletim
  • Não ter reprovação no histórico escolar
  • Ter renda familiar bruta de até R$5000 (comprovados no holerite e imposto de renda dos responsáveis)
  • Demonstrar interesse em viver uma experiência intercultural; e
  • Residir em um estado onde o AFS atua. (AL, BA, CE, DF, ES, GO, MT, MS, MG, PB, PR, PE, RJ, RN, RS, SC, SP, SE e TO.

O que precisa para se inscrever:

Para fazer a inscrição, é necessário enviar cópia do boletim ou histórico escolar 2015/2016, uma carta de recomendação de um professor ( em português),  carta dos pais ou responsáveis ( em português, aqui tem um modelo com quais assuntos a carta deve abranger)  e uma resposta breve para  a pergunta: “O que te motiva a fazer parte de uma organização como o AFS?”. Os candidatos também precisam enviar uma redação de autoria própria em português sobre um problema em sua comunidade e possíveis soluções inovadoras respeitando o seguinte formato:

1. Qual o problema e quando ele ocorre?
2. Quem é afetado e o que vai acontecer se o problema persistir?
3. Como você sente que pode atuar sobre esta situação?

A redação pode ter até 2 páginas e ter formato formato A4, fonte Arial 12 e espaço duplo.

>>> Veja relato sobre estudar na Republica Dominicana
>>> Veja relato sobre estudar na Colômbia

Todos os bolsistas ficam com o compromisso de promover o destino ao retornar ao Brasil, promover o Brasil no país de destino e de enviar um vídeo durante a experiência.  A inscrição é feita toda pela internet no site da AFS. As dúvidas podem ser tiradas diretamente com o comitê da AFS no seu estado.  Os finalistas serão chamados para entrevista e uma orientação explicando sobre o intercâmbio, objetivos, funcionamento, expectativas, diferenças culturais, etc. Os vencedores serão divulgados no fim de setembro.

>>> Veja mais bolsas para fazer Ensino Médio no Exterior
>>> Veja mais bolsas para estudar na Itália

Vale lembrar que quem se inscreve para as bolsas para fazer ensino médio na Itália da AFS NÃO pode concorrer para as bolsas para fazer intercâmbio de high school na América Latina. Os candidatos devem optar por uma oportunidade ou a outra. As bolsas também não incluem despesas com emissão de visto, passagens domésticas no Brasil, uniforme escolar no país de destino (se necessário) e taxa de adesão de US$ 500 (cobrada apenas antes do embarque).

Inscreva-se
Veja o edital completo
Encontre um comitê AFS para tirar dúvidas

Tá em dúvida? Veja o relato de bolsistas AFS:

>>> Mais uma razão para não desistir de conseguir uma bolsa de estudos no primeiro não
>>> Fazer intercâmbio sem saber a língua do país é possível? Sim!
>>> Como é estudar um ano do colégio nos Estados Unidos? A Yasmym foi e te conta

COMENTÁRIOS