Chevening: bolsas para fazer mestrado no Reino Unido têm inscrições abertas

bolsas para fazer mestrado no Reino Unido Foto: British Tourist Authority, Divulgação

Foto: British Tourist Authority, Divulgação

Estudar no Reino Unido não é lá muito barato, por isso, qualquer ajuda financeira para poder fazer pós-graduação por lá é sempre muito bem-vinda. Pois essa é A oportunidade se você quer estudar no Reino Unido: até 3 de novembro de 2015 estão abertas as inscrições as bolsas para fazer mestrado no Reino Unido do Programa Chevening. O programa como um todo abrange todas as áreas de estudo e conhecimento, porém as bolsas para brasileiros no edital de 2016/2017 focam mais nas áreas listadas abaixo:

  • Agricultura
  • Mudanças climáticas
  • Estudos criminais – conflito, crime transnacional, inteligência, segurança cibernética, desarmamento
  • Economia digital e economia criativa
  • Drogas
  • Engenharia
  • Inovação
  • Nutirção
  • Negócios– incluindo tributação, finanças, economia e administração pública
  • Segurança global e relações internacionais – incluindo direitos humanos, educação e transparência
  • Desenvolvimento – incluindo mudanças climáticas, sustentabilidade e transporte
  • Esportivos e legado – administração de esporte, desenvolvimento, legado de eventos, saúde e educação

As bolsas são pagas pelo Ministério das Relações Exteriores britânico e outras organizações e cobrem absolutamente tudo. Elas incluem o pagamento de todas as taxas universitárias, gastos com passagens e visto, e uma quantia mensal durante a duração do programa.

>>> Veja o depoimento de um bolsista sobre a seleção do programa Chevening

Para poder participar é necessário  ser formado em um curso de bacharelado; ter completado, pelo menos, dois anos de experiência de trabalho; inscrever-se para três cursos de mestrado diferentes no Reino Unido (a não ser que sua categoria especifique o contrário); não ter cidadania britânica; não ter estudado no Reino Unido com bolsa e apresentar um dos três testes de proficiência de inglês com data de realização de 1 de outubro em diante. O resultado do teste de inglês pode ser enviado até 14 de julho de 2016. Então vocês têm tempo o suficiente para estudar e realizar a prova. As provas aceitas são:

Academic IELTSOverall score: 6.5, com um mínimo em cada área de: Listening – 5.5; Reading – 5.5, Speaking – 5.5, Writing – 5.5

Cambridge English Advanced: overall score: 176, com um mínimo em cada área de: Listening –162; Reading – 162, Speaking – 162, Writing – 162.

Pearson PTE Academic : Overall score – 58, om um mínimo em cada área de: Listening – 42, Reading – 42, Speaking – 42, Writing – 42

TOEFL iBTOverall score – 79, com um mínimo em cada área de: Listening – 17, Reading – 18, Speaking – 20, Writing – 17

As inscrições devem ser feitas no site do programa Chevening para bolsas de mestrado no Reino Unido até o dia 3 de novembro de 2015. No site, eles disponibilizam um guia com as informações importantes para saber antes de se inscrever para o programa. Veja as dúvidas mais frequentes sobre o programa Chevening. Acesse o calendário da seleção.

Nas próximas semanas, vou postar aqui depoimentos de bolsistas da Chevening: um que tá terminando o curso agora e outro que embarca em breve. Assim, vocês podem pegar umas dicas e ter uma ideia do perfil que eles procuram. Só ficar ligado aqui no Partiu Intercâmbio 😉

COMENTÁRIOS

20 respostas para “Chevening: bolsas para fazer mestrado no Reino Unido têm inscrições abertas”

  1. Priscila Sampaio Sales disse:

    Alguém que já se inscreveu no programa poderia trocar e-mail comigo pois estou com algumas dúvidas sobre a submissão e o prazo tá acabandooo… prindln@gmail.com
    Muito obrigada!!!

  2. Analine Pencinato disse:

    Bruna tenho uma duvida, é a primeira vez que me inscrevo nesse tipo de programa. Essa carta de referencia seria de empresas que eu já trabalhei? Tem que ser escrita por essas empresas? Como que funciona?

  3. Luiza Morelli disse:

    Eu só não entendi uma coisa. O Chevening aceita o TOEFL IBT, mas para fins de visto para o Consulato Britânico e até mesmo para algumas universidades, eles só aceitam o IELTS. No caso do Consulado é o IELTS Selt, portanto temos que fazer duas provas distintas de English Proficiency?

  4. César Siqueira disse:

    Have at least two years’ work experience
    Será que precisa ser na área de formação ou pode ser outra ?

  5. Camila Ribas disse:

    Bruna, gostei muito do seu blog e sempre tive interesse em fazer intercâmbio, porém minha area é de Recursos Humanos e fiz um curso de tecnólogo em RH, você acha que eu tenho chance para algum programa de estudos no exterior?

  6. Luis Gustavo Monteiro disse:

    Olá Bruna, tenho uma dúvida.
    Como funciona essa experiência de trabalho?
    Como vou comprovar? com minha carteira de trabalho?
    A experiência precisa ser depois de formado ou vale os trabalhos que fiz na área, mas em outros cargos?
    Sou formado em engenharia mas não tenho 2 anos de experiência como engenheiro.
    Obrigado

  7. Mariane disse:

    Olá Bruna, tenho uma dúvida e não encontrei a resposta. Minha formação superior é Tecnóloga e não Bacharel. Tenho um MBA concluído e estou concluindo outro pela FGV. Será que com o Tecnólogo posso me inscrever ou tem que ser Bacharel? Pode me ajudar? Obrigada por isso e pelas dicas sensacionais 🙂

  8. Poliana Germano disse:

    Oi Bruna, tudo bem ? Gostei do site e me interessei muito em me escrever para fazer uma pós no exterior, sou formada em Administração com ênfase em Comércio Exterior e recetemente terminei meu MBA em Gestão de Negócios na FGV – não achei o campo para fazer a inscrição no site.

    Pode me ajudar por favor?

    Obrigada ,

    Poliana Germano

  9. Fran Franco disse:

    Oi Bruna.
    Curto muito as tuas dicas.
    Sobre o post acima, o link para a página de informações importantes está corrompido, acessei o site, acredito que o link correto seja: http://www.chevening.org/chevening/application-guidance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.