Bolsas Erasmus para mestrado em jornalismo na Europa

Foto: Mundus Journalism, Divulgação

As bolsas de mestrado em Jornalismo na Europa do Erasmus Mundus estão com inscrições abertas para candidaturas de interessados de todas as partes do mundo. O mestrado em Jornalismo, Mídia e Globalização recebe inscrições online de 1º de novembro de 2022 até 10 de janeiro de 2023.

O Mundus Journalism oferece a oportunidade de estudar em vários países, principalmente na Europa. Entre eles, estão aqueles que são sede das universidades que formam o consórcio do curso: Dinamarca, Holanda, República Tcheca e Inglaterra. Contudo, há também a possibilidade de realizar parte dos estudos em instituições parceiras em países como Estados Unidos, Alemanha, Austrália e outros.

Candidatos de todo o mundo podem se inscrever e o curso é completamente em inglês. Bolsas de estudos completas estão disponíveis para não residentes na Europa.

>> Bolsistas Erasmus Mundus dão dicas sobre burocracia do processo

Como funciona o Mundus Journalism

O Mundus Journalism começa o seu primeiro ano com aulas na Universidade de Aarhus, na Dinamarca. No 2º semestre, é possível seguir por lá ou optar por fazer estágio ou cursos eletivos em universidades parceiras em vários países fora da Europa.

No segundo ano, os alunos podem escolher entre três especialidades:

  • Politics and Communication, na Universidade de Amsterdam, na Holanda;
  • Totalitarianism and Transition, na Charles University, na República Tcheca;
  • Business & Innovation, na Universidade de Londres, no Reino Unido.
  • Cultures & Contexts, LMU de Munique, na Alemanha

>> Mentoria do Partiu Intercâmbio para estudar fora

Sobre as bolsas do mestrado em jornalismo Erasmus Mundus

Neste ano, 22 bolsas Erasmus Mundus serão oferecidas para estudantes de países parceiros — categoria da qual o Brasil faz parte. As bolsas para fazer esse mestrado em Jornalismo no Exterior são completas e têm duração de dois anos.

O benefício inclui o valor do curso (18 mil euros para não europeus), seguro saúde, subsídio mensal e auxílio para despesas com viagem e instalação. Para se candidatar à bolsa, o interessado não pode residir na Europa, nem ter morado por lá por mais de 12 meses nos últimos cinco anos.

Além das bolsas completas, o programa oferece outros tipos de bolsas para candidatos com cidadania europeia e bolsas específicas para cada uma das universidades onde se pode cursar o segundo ano do mestrado. Então, se você é jornalista e quer fazer mestrado, não dá para perder essa oportunidade!

>Veja todas as bolsas de mestrado do Erasmus na Europa

Candidatura e requisitos do mestrado em Jornalismo na Europa

A candidatura ao Mundus Journalism exige que se cumpram alguns requisitos. Entre eles estão:

>>Erasmus Mundus: brasileiros tiram dúvidas sobre o programa

A candidatura é online e, além de enviar essa documentação, o candidato deverá preencher o formulário de inscrição do curso e de solicitação da bolsa.

Precisa de ajuda para candidatar em bolsas na Europa?

Nessa live, você pode ver nossa conversa com brasileiras bolsistas Erasmus Mundus e ver dicas sobre os cursos inscrição e outros detalhes. Caso você precise de ajuda na candidatura, veja mais sobre a mentoria do Partiu Intercâmbio e assista nossa live com mentorados aprovados em programas Erasmus e também em outras bolsas integrais na Europa:

Economize no pagamento da taxa de candidatura

Recomendamos fazer o pagamento da sua taxa usando a conta multimoedas do Wise (ex-Transferwise). A conta é gratuita e com ela você faz pagamentos da taxa de inscrição em processos de seleção em universidades ou junta dinheiro em moeda estrangeira com taxas muito menores. No lugar de pagar os 12% que seu banco cobraria, com os nossos parceiros você paga só 1,3% de taxa sobre a operação ou menos.

Saiba mais sobre o programa
Tire dúvidas sobre os requisitos
Veja informações sobre as bolsas

Toda semana tem vídeo novo no nosso canal no YouTubeAssina aí pra não perder nadinha. A gente também está no Instagram, no TikTok, no Twitter e no LinkedIn. Nesses canais, eu falo mais sobre como ganhar bolsa para fazer intercâmbio, como fazer carta de motivação e mais um monte de coisas. Já quem quer receber alerta de novas bolsas de estudo pode se inscrever no nosso canal no no Telegram ou na nossa newsletter é grátis. Os apoiadores do Partiu Intercâmbio recebem dicas exclusivas no Whatsapp e também por e-mail. Pra saber mais sobre a Bruna e o Partiu Intercâmbio é só acessar esse post. A gente também presta consultoria para orientar quem quer estudar no Exterior entre em contato e realize o sonho de estudar fora!

Bruna Passos Amaral

Bruna Passos Amaral é jornalista, viajante, entusiasta da educação. e apaixonada por idiomas. Na bagagem da criadora do Partiu Intercâmbio, já pesam nove intercâmbios - dois nos Estados Unidos, seis na Alemanha e um na Finlândia - e passeios por 30 países.

Ver Comentários

Posts Recentes

DAI: bolsa para professores de inglês nos Estados Unidos recebe inscrições

Você é professor de inglês da rede pública de ensino e quer se aperfeiçoar nos…

9 hours atrás

Universidade de Valladolid e Santander têm bolsas para mulheres das áreas STEM

Além do programa Iberoamérica + Asia de bolsas para mestrado, a Universidade de Valladolid e…

1 day atrás

Fundação para Ciência e Tecnologia dá bolsas para doutorado em Portugal

A Fundação para Ciência e Tecnologia (FCT) portuguesa publicou o aviso de abertura do seu…

1 day atrás

Universidade de La Rioja: bolsa de espanhol na Espanha recebe inscrições

Tá precisando de uma bolsa de espanhol na Espanha, mas não pode passar tempo demais…

2 days atrás

AMIR: mestrado Erasmus em materiais avançados e reciclagem na Europa

O mestrado AMIR (Advanced Materiais: Innovative Recycling – Materiais Avançados: Reciclagem Inovadora, em tradução livre)…

4 days atrás

Bolsa para mestrado em cartografia em três países europeus

Mais uma oportunidade do Erasmus Mundus: bolsa para mestrado em cartografia em quatro instituições de…

4 days atrás