Início » intercâmbio » Partiu Intercâmbio vai para a Finlândia em agosto! Então, me contem: o que vocês querem saber de lá?

FCP 2015 Finlândia

Se vocês acompanham o blog no Instagram (inclusive, sigam aí @partiuintercambio, por favor 😀 ), provavelmente já sabem que em agosto deste ano eu vou passar três semanas na Finlândia. Fiz questão de postar por lá o pacote “Finlândia para iniciantes” que eu recebi no fim de maio, mas não tive tempo de explicar como tudo vai funcionar. O programa é o Foreign Correspondents Programme ou FCP. Há mais de 10 anos, eles selecionam jornalistas de todo o mundo para passar três semanas na Finlândia e contar para o mundo sobre isso.

 

Quando eu recebi a resposta de que passei no FCP, eu estava concentrada em terminar minha dissertação de mestrado – e sem tempo pra postar por aqui – que acabei deixando pra contar agora. Como vocês podem ver, aos poucos, estou voltando e vou contando as novidades. Na segunda semana de agosto, embarco para Helsinque, na Finlândia, e vou passar três semanas lá com outros 22 jornalistas de todo o mundo (no blog do programa vocês podem ver os selecionados e mais informações sobre o FCP). O concurso teve 1,498 candidatos e eu fui a única brasileira escolhida, o que me enche de orgulho. Fora isso, tenho certeza que o FCP e vai me dar muita coisa bacana para contar pra vocês aqui no blog. A seleção rolou bem no meio do período doido da dissertação, mas acabou dando certo.

Como tenho um tempinho pra me preparar, gostaria de saber de vocês, meus caros leitores, o que vocês gostariam de saber sobra Finlândia? Qualquer dúvida que vocês tiverem, por favor, postem nos comentários  eu prometo que em agosto dou um jeito de responder 🙂

O site da embaixada da Finlândia publicou esse texto meu sobre o programa no blog deles já:

“Pra mim, o FCP vai ser um sonho que vira realidade. Sou a típica brasileira – que não desiste nunca – e me inscrevi para o programa, pelo menos, umas quatro vezes. Ter sido selecionada para esses 20 dias na Finlândia é algo que eu desejava há muito tempo e que vai ser pura descoberta. Nunca tive a chance de visitar o país e todo meu conhecimento sobre a cultura finlandesa vem de relatos de amigos que estiveram por lá, de muita pesquisa na internet e do meu entusiasmo com educação. Por isso, já aviso, absolutamente tudo que eu encontrar por lá vai virar post no Partiu Intercâmbio. O Partiu é um site que eu criei em 2013 para dar dicas de viagem e ajudar outras pessoas com meu conhecimento sobre bolsas de estudos e intercâmbio. O projeto começou tímido e é completamente feito por mim. Um dos meus maiores orgulhos é poder contar que, na base do amor e da confiança dos leitores, o site hoje tem mais de 100 mil visitas por mês.

 

Atualmente, sou bolsista do mestrado em comunicação na Deutsche Welle, na Alemanha. Antes de vir para Europa estudar, fui editora de interatividade de um portal sobre comportamento e beleza, onde tive a oportunidade de passar seis meses exercitando a criatividade para inventar apps e ações nas redes sociais. Antes disso, trabalhei por três anos no jornal Zero Hora em Porto Alegre. Lá, fui assistente multimídia, repórter, titular de uma coluna quinzenal sobre intercâmbios e editora do site de cultura. Como jornalista, já cobri de tragédia a festival e só tenho uma certeza na vida: minha grande paixão é contar histórias e viver novas experiências. O FCP 2015 vai ser uma oportunidade única em um lugar que eu sempre morri de curiosidade de conhecer. Ainda bem que eu nunca fui do tipo de desistir de um sonho.”

 

E, no site oficial do programa, também tem um texto meu (em inglês) falando das minhas expectativas. E, aí? Já pensaram sobre o que vocês querem saber da Finlândia? Vamos conversar nos comentários. E pra quem ainda não viu, ó, entreguei a dissertação <3  

Dissertação de mestrado entregue ✅ Que venha a defesa 🎓 A partir de amanhã o #partiuintercambio volta a bombar. 💜 Uma foto publicada por Partiu intercâmbio (@partiuintercambio) em

beijos pra todos 🙂

COMENTÁRIOS

  • Pingback: 10 fatos sobre estudar na Finlândia()

  • Blenda Santos

    Parabéns, Bruna!!!! Estou louca (e me programando) para estudar na Finlândia assim que concluir minha graduação. Então TODAS as informações sobre estudo, trabalho e custo de vida serão SUPER bem vindas. Já estou ansiosa pelos seus posts!!!! Beijinhos

    • Que legal, Blenda 🙂 Então fica de olho que agosto vai bombar de post da Finlândia aqui 🙂

  • Sarah Reznor

    Que maravilha que vc passou! Meus parabéns! Eu ia fazer inscrição para o programa, mas eu estava na Finlândia a passeio e, resolvi não participar.
    Mês que vem até meados de outubro eu estarei, novamente, na Finlândia.
    O país é maravilhoso e encantador. Não conheço ninguém que foi a Finlândia e não gostou.
    E…olha que massa! Nós pegaremos o verão do Hemisfério Norte!! o/ Sei que não é parecido com o verão do Brasil, mas, o local e a alegria das pessoas por causa do verão é contagiante.
    Vou seguir vc na web. Espero encontrar com vc lá!

    Abraços e muito sucesso!

    Sarah Reznor

    • Sarah, que bom saber 🙂
      Verão no hemisfério norte é uma coisa muuuuito diferente do hemisfério sul. E não só porque as temperaturas são mais amenas, mas porque o povo simplesmente aproveita cada segundinho de sol. Acho isso lindo!
      Quem sabe a gente não se cruza por lá, né?
      Beijo

  • Andre Viana

    Eu tenho uma dúvida! Descobre pra gente o que tem na água deles para serem tão loucos. A Finlândia é o lugar produz os pilotos de corrida, especialmente os de rally, mais desatinados e galhofeiros do planeta!! o/

    Tá, tem de fazer uma pergunta mais séria? Uma questão social então. Qual o motivo da rixa deles com os suecos? Não são todos iguais?? Eu gosto de uma banda sueca e volta e meia eles tiram com a cara dos finlandeses:P

  • Thais Rocha

    Sobre a Finlândia queria saber sobre o custo de vida, sobre a convivência com eles (se são receptivos), se o país recebe os estrangeiros mais pra trabalhar ou estudar inglês…. E se for pra fazer intercâmbio pra aprender inglês se vale a pena! Até mais e boa viagem! =]

    • Thais,
      Vou anotar no meu caderninho. Já tenho uma entrevista marcada pra falar com pessoal que coordena umas instituições que oferecem intercâmbios e com brasileiros morando por lá. Em agosto, respondo tudo bonitinho
      beijo