Fui aceito sem bolsa e agora? | Partiu Intercâmbio

Você foi aceito sem bolsa para estudar no Exterior? Isso não é motivo para desespero. Veja quais as opções de outras que você tem para poder realizar o sonho de estudar no Exterior para quem já foi aceito mas não conseguiu a bolsa.

Antes de mais nada, acho que é suuuuper importante dizer que ser aceito mas sem bolsa de estudos acontece com muuuita gente muito boa e isso não é vergonha alguma. O processo para estudar no exterior (ainda mais com bolsa de estudos) é longo e cheio de

Veja todas as bolsas

Fui aceito sem bolsa, existem outras bolsas para aplicar?

Sim! Não precisa se desesperar. Existem alguns editais de bolsas de estudos que podem cair como uma luva para quem foi aceito sem bolsa em uma universidade no Exterior. Um bom exemplo é o programa de Líderes da Fundação Estudar.  O programa oferece bolsas que chegam até 90% e para poder se inscrever, você deve ter sido aceito em uma universidade no Exterior para fazer graduação ou pós.  O programa não tem restrição de país e as inscrições abrem sempre pelo início do ano. Outro programa que dá bolsas para quem foi aceito sem bolsa em universidades no Exterior é o programa de bolsas de estudos do Instituto Ling. As bolsas do Instituto Ling, no entanto, têm focos específicos como Direito, Administração e Engenharia.  As bolsas Ling podem cobrir também até 90% das despesas e o edital também abre no início do ano.

No caso de quem foi aceito em cursos  em algumas universidades específicas nos EUA e na Inglaterra, também dá para tentar a Bolsa da Fundação Lemann. O Programa de Talentos Lemann Fellowship dá bolsas para pós-graduação (mestrado, MBA e doutorado) em áreas prioritárias, como educação, políticas públicas, saúde pública e economia, mas dependendo da universidade o candidato pode tentar programas fora da área prioritária. Profissionais com formação em todas as áreas do conhecimento podem se candidatar. O Bruno Betat ganhou a bolsa Lemann para fazer mestrado em Stanford e nos contou mais sobre a experiência:

>>> Como fazer pós-graduação no Exterior

Calma! você está no caminho certo

Ao contrário do que muita gente pensa, ser aceito sem bolsa para estudar no Exterior não é um fracasso. Pelo contrário! Ser aceito por uma universidade no Exterior já é uma grande vitória e, no mínimo, significa que você tem exatamente o perfil que aquela instituição procura. Então, no lugar de se sentir derrotado, avalie racionalmente o seu application e veja em quais pontos você poderia ter ido melhor: na carta de motivação? nas cartas de recomendação? na entrevista? Peça para um amigo que já estudou fora ler o seu material e dar opiniões sobre o que você pode melhorar.

>>> Como ser fluente em inglês sem fazer intercâmbio

Foi aceito sem bolsa? Nada impede de tentar de novo

São pouquíssimas as seleções de bolsas de estudos para estudar no Exterior que não te permitem aplicar de novo. A Helena Gertz, por exemplo, se inscreveu duas vezes para o mestrado em Jornalismo do programa Erasmus.  Na primeira tentativa, ela foi aceita mas não ganhou a bolsa. Como o curso era caríssimo e na Dinamarca, não rolou, mas no ano seguinte, a Helena se inscreveu de novo e dessa vez foi aceita com bolsa. Além disso, eu sempre digo, se você já investiu em prova de proficiência, tradução e apostilamento de documentos, o melhor a fazer e se inscrever para a maior quantidade de bolsas possíveis enquanto seus documentos ainda estão válidos. Se você já chegou até aqui e foi aceito ainda por cima, não é a hora de desistir.

>>> Carta de aceite da universidade como conseguir?

Ao aplicar de novo, mostre que você evoluiu de um ano pro outro

Quem foi aceito sem bolsa e vai aplicar de novo precisa estar ciente de que não faz o menor sentido aplicar no ano seguinte usando EXATAMENTE o mesmo material. Se você vai aplicar de novo para a mesma bolsa, é fundamental mostrar que você evoluiu de um ano pro outro. Então, mesmo antes de recomeçar o processo de aplicar para estudar fora, comece a pensar em quais aspectos da sua carreira/trajetória você pode melhorar para tornar seu application mais atrativo para os comitês de seleção de bolsas de estudos. Fazer trabalho voluntário, inciar projetos pessoais, ser promovido no seu trabalho ou até mesmo iniciar um mestrado/curso no Brasil são boas maneiras de mostrar que você não ficou “parado” de um ano pro outro.

E você foi aceito sem bolsa em uma universidade no Exterior? O que você fez? Como você melhorou seu application para o ano seguinte. Conte pra gente nos comentários 🙂

Veja todas as bolsas

Ah, toda terça-feira tem vídeo novo no nosso canal no YouTubeAssina aí pra não perder nadinha. A gente também está no Instagram, no Flipboard e no Twitter. Nesses canais, eu falo mais sobre como ganhar bolsa para fazer intercâmbio, como fazer carta de motivação e mais um monte de coisas. Obviamente, eu também respondo dúvidas. Só deixar elas aqui nos comentários do post 🙂

>>> Como fazer graduação em Portugal

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *