Existe Au Pair para homens? Veja o depoimento de um brasileiro

Lembram da nossa série sobre Au Pair? Pois bem, muita gente perguntou se existe também Au Pair para homens. Sim, o Felipe Marchiori, de 25 anos, que foi Au Pair nos Estados Unidos, inclusive, entrou em contato com a gente pra contar pros leitores do Partiu Intercâmbio mais de quais as regras do Au Pair para garotos e também da experiência dele fazendo o intercâmbio mais barato que existe
existe au pair para homens partiu intercambio

O intercâmbio de Au Pair para homens não é a modalidade mais comum no Brasil. Por conta disso, nem todas agências oferecem vagas para homens como Au Pair no Exterior. Então, antes de mais nada, você tem que procurar alguma agência que ofereça a modalidade deste intercâmbio também para homens. A verdade é que cada vez mais famílias optam por Au Pair homens para tomar conta de seus filhos.

 

As regras para Au Pair para homens:

  • Inglês avançado (será comprovado mediante entrevista);
  • Carteira de Habilitação (para carro);
  • Idade de 18 a 27 anos;
  • Horas comprovadas com crianças (creches, escolas, orfanatos, projetos sociais, filhos de vizinhos, etc)
  • Não ter filhos
  • Disponibilidade de fazer o programa por um ano.

 

O Felipe foi Au Pair nos Estados Unidos de abril de 2015 a maio de 2016. Ele escolheu o programa pelo custo benefício, por ter afinidade com crianças e pela possibilidade inclusão cultural com a família americana.  Geralmente Au Pairs homens são escolhidos para cuidar de crianças mais velhas (acima de 8 anos), com o intuito de dirigir bastante as crianças para as diversas atividades que elas possuem na cidade.

“Eu cuidei de gêmeos de 11 anos e uma menina de 9. Minhas responsabilidades eram: ajudar/conferir lição de casa, dirigir para as atividades extras, cozinhar e ajudar na organização das coisas da criança.”, conta Felipe. Os benefícios e regras do Au Pair para homens são exatamente iguais ao do programa feminino. O Au Pair trabalha 45 horas semanais, folga no mínimo 1 fim de semana por mês, duas semanas de férias remuneradas, 500 dólares de bolsa-estudo para qualquer curso que você quiser fazer, reunião mensal com os outros Au Pairs da sua região, quarto privativo e alimentação.

O programa é de um ano e você pode estender por mais seis, nove ou 12 meses. (isso depende um pouco da agência e também da família). O Felipe ficou um ano nos EUA e teve a oportunidade de conhecer 25 estados americanos, o México e as Bahamas. “Recomendo bastante o programa de Au Pair não só pelo o inglês, mas também para testar flexibilidade, paciência e outras habilidades que você vai precisar no dia-a-dia com uma nova cultura e família.”, recomenda.

Dicas para as entrevistas do programa de Au Pair

Assim como as mulheres, os Au Pair homens também passam por entrevista com a agência e também com as famílias interessadas. O Felipe nos mandou até algumas dicas para quem vai passar pela entrevista de Au Pair. “É ficar calmo e praticar bastante. Geralmente é a primeira entrevista real em inglês, por isso com prática da tudo certo. Nunca minta sobre suas habilidades, vai ser muito pior depois com as famílias, mostre bastante interesse nas crianças e verifique absolutamente tudo. Eu, por exemplo, não trabalhava no fim de semana. Então, sempre verifique questões sobre carro, horários de trabalho, limpeza, comida”, encoraja Felipe.

Caso você queira ser Au Pair e precise ainda de uma ajudinha de inglês, a gente recomenda dar uma olhadinha em alguns cursos online de inglês específicos para quem quer ser Au Pair no exterior. Além disso, tá cheio de vídeos e fóruns de quem já foi Au Pair no exterior dando dicas.

 

Muito obrigada ao Felipe pelo depoimento e qualquer dúvida, vocês sabem: só deixar um comentário aqui no post. E toda terça-feira tem vídeo novo no nosso canal no YouTubeAssina aí pra não perder nadinha. A gente também está no Instagram, no Flipboard e no Twitter. Nesses canais, eu falo mais sobre como ganhar bolsa para fazer intercâmbio, como fazer carta de motivação e mais um monte de coisas. Obviamente, eu também respondo dúvidas. Só deixar elas aqui nos comentários do post

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *