Bolsas para pós-graduação na Itália têm inscrições abertas

bolsas para pós-graduação na Itália maeci mestrado doutorado

O governo italiano está com o edital aberto para o programa do MAECI (Ministério das Relações Exteriores) que busca incentivar estrangeiros e residentes no exterior a estudarem no país. Entre as oportunidades oferecidas, há bolsas para pós-graduação na Itália. São bolsas de mestrado e doutorado. Foi uma bolsa desse tipo que eu ganhei quando morei em Bolonha – contei tudo aqui.

 

O programa tem o objetivo de difundir o conhecimento da língua, da cultura e da ciência italiana. São oferecidos auxílios para estudantes de diferentes níveis e âmbitos de estudo em instituições públicas ou legalmente reconhecidas.

Para os interessados em fazer mestrado ou doutorado, o programa funciona da seguinte forma: há uma lista de universidades participantes e o candidato pode escolher qualquer curso. Não há restrição de área de estudo. O elenco das ofertas formativas está disponível neste link.

>>> Veja mais bolsas de estudos na Itália

Como é fazer mestrado na Itália?

>>> Bolsas de pós-graduação na França para latino-americanos

 

Como são as bolsas para pós-graduação na Itália

As bolsas para pós-graduação na Itália têm duração de seis ou nove meses. Elas são válidas para o período de 1º de outubro de 2018 a 30 setembro de 2019. Estão incluídos seguro saúde e o pagamento de 900 euros mensais para cobrir os custos de vida do bolsista no país.

Além disso, os selecionados para o programa terão isenção das taxas de matrícula universitária. Na Itália, as universidades públicas não são gratuitas, e o estudante deve pagar uma taxa anual de matrícula.

A possibilidade de renovação é vinculada ao cumprimento do programa de estudos previsto para o ano acadêmico.

>>> Guia: Tudo o que você precisa saber para estudar na Itália

Quais são os requisitos para as bolsas de mestrado e doutorado

Os requisitos para concorrer a uma das bolsas para pós-graduação na Itália são:

  • Diploma universitário compatível com o curso escolhido (tipo ter graduação se você quiser entrar no mestrado)
  • Ter no máximo 28 anos para entrar no mestrado e 30 para entrar no primeiro ano do doutorado;
  • Ter conhecimento da língua italiana de nível B2 ou superior (de acordo com o Quadro comum europeu de referência para línguas).

O requisito do idioma deverá ser comprovado na candidatura através de um certificado ou atestado. No entanto, para os candidatos que optarem por cursos inteiramente em inglês, a língua inglesa se torna requisito (B2) e não mais o italiano.

>>>Turin School oferece bolsas para curso de verão na Itália

 

Como se candidatar ao programa do MAECI

A candidatura para as bolsas para pós-graduação na Itália deve ser feita pela internet no “Portale borse online” até as 14h (horário da Itália) do dia 30 de abril. É necessário primeiramente se registrar, criando um usuário e uma senha, para depois enviar a candidatura.

A seleção será feita pelos órgãos de representação diplomática italiana no país do candidato. Se selecionado, o estudante será notificado e deverá realizar a inscrição na universidade. Para mais informações sobre as bolsas, você pode entrar em contato por e-mail: lorenzina.bucciarelli@esteri.it.

Veja mais informações sobre as bolsas
Leia o edital completo do programa do MAECI

Saiba mais sobre os requisitos para estudar na Itália
Candidate-se agora

 

Ah, toda terça-feira tem vídeo novo no nosso canal no YouTubeAssina aí pra não perder nadinha. A gente também está no Instagram, no Flipboard e no Twitter. Nesses canais, eu falo mais sobre como ganhar bolsa para fazer intercâmbio, como fazer carta de motivação e mais um monte de coisas. Obviamente, eu também respondo dúvidas. Só deixar elas aqui nos comentários do post 🙂

>>> Encontre outras bolsas para estudar na Itália
>>> Veja todas as bolsas para fazer intercâmbio abertas

COMENTÁRIOS

8 respostas para “MAECI: bolsas para pós-graduação na Itália têm inscrições abertas (mestrado e doutorado)”

  1. Isadora disse:

    Bom dia, também estou com a mesma dúvida da Marta: para conseguir a carta de aceite pedida no ato da inscrição, é preciso dar entrada mna declaração de valor primeiro? Obrigada

  2. Clycia disse:

    Oi! Gostaria de saber se eu preciso estar formada no ato da inscrição ou se posso me formar antes de começar o mestrado (me formo em junho)

  3. Marta disse:

    Olá, eu estou com dúvidas em relação aos documentos, eles pedem uma carta de aceite, não entendi que carta é essa, pois a carta de aceite da universidade é depois da inscrição né?

  4. Elvia Rafaela disse:

    Oie! Eu falo e escrevo italiano, mas estou encontrando muuuitas dificuldades em me inscrever :/
    Não tô conseguindo entender onde encontro as universidades para mestrado na área do direito.
    e num site q eu fiz meu cadastro tb ta me pedindo o certificado de língua italiana. Eu não tenho. Ou seja, não poderei me candidatar?

  5. Elisa disse:

    Oi Bruna!
    Eu estou no processo de inscrição e minha dúvida é na questão dos documentos. Em relação ao diploma não tem especificado que deve ser traduzido ou não. Você sabe me informar se necessariamente eu devo pedir uma tradução e aí enviar? Obrigada!

  6. Fernando disse:

    Oi, Bruna, não encontrei o e-mail da responsável pela candidatura de brasileiros, teria como me passar? Pois fiz 28 mês passado e não estou conseguindo me inscrever.

  7. Danielle disse:

    Bom dia!!
    eu me inscrevi no ano passado, mas não terminei a inscrição. Posso me inscrever esse ano?
    Quando eu entro, aparece que já estou inscrita, mas seria renovação?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *