5 coisas ruins de morar na Alemanha - Partiu Intercâmbio

Morar no exterior não são só flores. Por isso, compilei as 5 coisas ruins de morar na Alemanha. Pra quem não sabe, eu entendo de morar na Alemanha, morei lá para fazer um ano de High School, depois para fazer mobilidade acadêmica, para fazer estágio num jornal e depois mais três anos e meio fazendo mestrado e trabalhando na Alemanha.

Mas tá vamos lá para as 5 coisas ruins de morar na Alemanha:

O pepino

Quem não gosta de pepino tá ralado e não deveria morar na Alemanha. Por lá, eles colocam pepino em absolutamente tudo: na salada, no sanduíche, na massa até nos drinks. Pra quem detesta pepino, tipo eu, é um saco porque o maldito do Gurke (pepino, em alemão) tá em tudo.

A Escuridão

A gente subestima o quanto o sol e a luz natural fazem bem pra gente e pro nosso humor. Sim, morar na Alemanha (ou qualquer país mais no norte do hemisfério norte) é bem TENSO por causa da escuridão. No inverno, escurece lá pelas três da tarde e dá um desespero meio grande viver na escuridão durante quase seis meses, mesmo quem ama frio e inverno sofre com a falta de luz natural e muita gente entra em depressão por causa disso. Então, o assunto é bem sério.

Não dá pra usar cartão

Na Alemanha, você tem que andar com dinheiro vivo no bolso. É bem difícil encontrar restaurantes, bares e até supermercados que aceitem cartões de crédito e débito. Em cidades grandes como Berlim e Munique as máquinas até aceitam cartão internacional para comprar o ticket de metrô, mas isso não é regra. A regra é tudo ser pago em cash mesmo, então, pode esquecer o hábito de pagar até a pipoca na esquina no débito, na Alemanha, isso não vai rolar.

A água com gás

Alemão bebe água com gás. Então, se você entrar num restaurante e não especificar que quer sua água sem gás (ohne Kohlensäure, em alemão) a sua água vai vir cheia de bolinhas. A doideira deles com a água com gás é tanta que você têm diversos tipos de água com gás no supermercado das muito gasosas às ultra gasosas.

A tensão no supermercado

Pra mim, ir ao supermercado na Alemanha é uma experiência traumática. Sim, como vocês podem ver no vídeo, ir ao supermercado na Alemanha é um teste de rapidez e também é onde você vai lidar com todo o mau humor dos alemães hehehe. Tudo acontece muito rápido e caso você leve um segundo a mais o povo fica furioso e te xinga e olha de cara feia sem medo nenhum de ser feliz.

Óbvio que tudo isso é verdade misturada com um pouco de brincadeira e, com certeza, eu não teria morado todo esse tempo lá se não gostasse bastante de morar na Alemanha. Só achei útil contar pra vocês alguns aspectos mais peculiares da vida por lá, afinal, vai que algum desses é fator decisivo para alguém escolher (ou não) morar por lá 🙂

 

Ah, toda terça-feira tem vídeo novo no nosso canal no YouTubeAssina aí pra não perder nadinha. A gente também está no Instagram, no Flipboard e no Twitter. Nesses canais, eu falo mais sobre como ganhar bolsa para fazer intercâmbio, como fazer carta de motivação e mais um monte de coisas. Obviamente, eu também respondo dúvidas. Só deixar elas aqui nos comentários do post 🙂

COMENTÁRIOS

4 respostas para “5 coisas ruins de morar na Alemanha”

  1. viajante do tempo disse:

    Eu moro na Alemanha e descobri que os melhores dias e horários para fazer compras sao ás segundas-feira pela manha, nunca em final ou inicio de mês, sigo esta regra e consigo fazer minhas compras com calma. Em geral os caixas passam muito rápido e o povo fica encarando mesmo, se for estrangeiro reclamam se tu demaorar e mandam voltar pra caSA:

  2. Henrique disse:

    Já estive em Dresden, e não achei os super-mercado esse drama todo não. E eu fui diversas vezes nos mercados!

  3. Wagner do Nascimento disse:

    Oi, Bruna! Amei o seu vídeo falando da sua experiência na Alemanha. Estive por lá duas vezes, e na última, em Berlim, fiquei muito assustado, realmente, com a bendita água com gás! Gente, o que é aquilo!? Eu ficava desesperado querendo matar minha sede e não conseguia tomando água com gás! O que me aliviava era a água da pia da cozinha mesmo… Mas enfim, foi uma experiência muito bacana! E muito do que você falou eu experimentei também nessa minha ida… Obrigado!

  4. Luana disse:

    Oi aqui é Luana, gostaria muito em participar do Partiu intercâmbio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *